Verme de 2 metros é removido de chinesa que comeu carne crua

Uma chinesa ficou chocada ao saber que tinha uma tênia de 2 metros vivendo dentro dela. Li acredita ter contraído o verme ao comer carne crua, durante uma viagem ao sudeste da Ásia no começo do ano. As informações são do Daily Mail.
Embora o verme tenha sido removido, ela conta que apenas a lembrança do parasita ainda a faz passar mal.

A moradora de Xiamen, na província de Fujian, procurou um médico após começar a se sentir mal e notar fluidos estranhos em suas fezes. Li foi tratada com medicamentos tradicionais chineses e passa bem.

A tênia é um parasita plano e segmentado que vive no intestino do hospedeiro.

Humanos podem contrair o verme ao entrar em contato com fezes contaminadas e colocar as mãos na boca, consumir alimentos ou água que contenham restos de fezes contaminadas ou ainda ingerir carne contaminada de porco, vaca ou peixe não bem cozidas.

Os sintomas da teníase são dor de estômago, vômito, diarreia, perda de peso e subnutrição. Alguns pacientes infectados, contudo, não apresentam sintomas e só ficam sabendo da infecção quando percebem segmentos do verme nas fezes.
Embora a infecção seja fácil de ser tratada, ela pode dar origem a sérias complicações já que a larva pode se hospedar em outras partes do corpo.

(Terra)

Compartilhe: