Unimed Alto Jacuí abraça o Outubro Rosa e comemora o Novembro Azul

O Sistema Unimed está abraçando a prevenção do câncer de mama e do câncer de próstata através do Outubro Rosa e Novembro Azul. A cada ano aumenta a adesão da sociedade ao movimento mundial “Outubro Rosa”, que visa chamar atenção, diretamente, para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce.

Na Unimed Alto Jacuí muitas atividades estão programadas em parceria com as LFCC de Ibirubá e região, dentre elas a iluminação do prédio da Unimed, do Largo Ledi Fröeder e do escritório de Espumoso nas cores da campanha. Além disso, serão distribuídas fitinhas de pulso nas cores da rosa e azul visando conscientizar a população sobre a importância da prevenção. Em novembro as mesmas atividades serão desenvolvidas adotando a cor azul e ações voltadas para a prevenção do câncer de próstata.

Conheça o Câncer de mama e as formas de prevenção:
O câncer de mama é o que mais mata as mulheres no país: foram mais de 12 mil mortes em 2009. Para 2012, estima-se o surgimento de mais de 52 mil novos casos da doença. O Ministério da Saúde alerta para a necessidade de cuidados e hábitos saudáveis, além do diagnóstico precoce que aumenta as chances de cura. Apesar de não ser possível impedir o câncer de mama ele pode ser detectado através da mamografia e quanto mais cedo diagnosticado maiores são as chances de eficácia no tratamento.

Os programas de rastreamento para detecção precoce do câncer de mama que seguem os parâmetros da Organização Mundial de Saúde (OMS) indicam que o exame seja feito, a partir dos 50 até os 69 anos de idade, uma vez a cada dois anos. Nessa faixa etária, com a chegada da menopausa, ocorre uma mudança no tecido da mama e os casos costumam surgir com mais frequência. Se a mulher apresentar histórico de câncer de mama na família, como mãe ou irmã que já sofreram da doença, atenção deve ser ainda maior e o exame de mamografia deve iniciar antes dos 50 anos.

O autoexame da mama, apesar de não diminuir a mortalidade, é muito útil para que a mulher conheça o seu corpo e deve ser feito com frequência. O diagnóstico precoce (fase inicial) do câncer de mama possibilita melhor prognóstico ou a cura. Consulte anualmente o mastologista ou ginecologista e siga as recomendações.

(Assessoria de Imprensa – Unimed Alto Jacuí)

Compartilhe: