Um ano para agradecer

O empresário Evandro Pozza em conversa com nossa reportagem externou toda sua satisfação pela parceria de anos do Grupo Pozza com os produtores da região, que se consolidou anda mais em 2015. Conforme ele foi um ano em que as condições climáticas impuseram dificuldades para as culturas de inverno, especialmente pelo excesso hídrico em momentos cruciais de manejo das lavouras, como plantio, que não foi possível realizar no momento mais adequado, controle de doenças e aplicação de fertilizantes complementares.

Mesmo assim a colheita foi satisfatória, tanto que aveia branca, como preta e até ucraniana tiveram resposta positiva. “É claro que estas culturas não necessitam de investimentos muito vultuosos e por isso trazem resultados ao produtor, além de proteger a terra, principalmente em um período de grandes volumes de chuvas”, afirmou Evandro.

Segundo informações a safra de inverno produziu abaixo do esperado, por todos os problemas já relacionados, mas a grande procura dos produtores da região pelos armazéns do Grupo Pozza deixaram uma certeza: se fosse uma safra cheia não haveria espaço para abrigar toda a produção dos parceiros. Seria necessário a locação de outros espaços.

Evandro reforçou que nem toda a produção é de excelente qualidade, mas todo o grão tem destino comercial.

Além das variedades de aveia, a parceria Pozza/produtor se deu também em outras culturas como capim sudão, azevém, cevada, centeio, entre outras, e para a próxima lavoura de inverno o Grupo Pozza pretende fomentar o plantio de cultivares pouco exploradas, sem deixar de atender o produtor que pretende continuar com as variedades mais tradicionais, razão pela qual a empresa já está recebendo os pedidos de sementes e insumos para a próxima temporada. “Estamos realizando junto com o produtor o projeto para a próxima safra de inverno”, finalizou Evandro.

Paulo Sanjes dos Santos
Jornalista