TV por assinatura já fatura mais que a TV aberta

Pela primeira vez na história, o setor de TV por assinatura faturou mais do que a TV aberta. Segundo a ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura) a TV paga faturou R$ 5,4 bilhões no primeiro trimestre deste ano.

Já a Globo, Record, SBT, Band, Rede TV! e demais emissoras abertas faturaram, juntas, R$ 4,3 bilhões. Na média deste ano, a TV aberta deverá faturar mais do que a paga. A receita da TV paga é majoritariamente composta pelo dinheiro dos assinantes, mas há também publicidade (5% do total, ou R$ 238 milhões) e arrecadações com serviços de banda larga e telefonia.

No ano passado, segundo a ABTA, a TV paga faturou R$ 16,9 bilhões. Alexandre Annenberg, presidente-executivo da ABTA, diz que a previsão é chegar a R$ 40 bilhões por ano em 2017. Até lá, conforme Annenberg, a TV por assinatura terá entre 35 e 40 milhões de assinantes. Atualmente, tem 14,5 milhões. Até o final do ano, deverão ser 16 milhões.

Compartilhe: