Terror do aviário é um gato maracajá

TAPERA – Nesta tarde uma equipe da Companhia Ambiental da Brigada Militar de Cruz Alta esteve no município para recolher o felino que foi capturado na madrugada passada, na propriedade da Família Backes, em Linha 5 Irmãos. O “gatinho”, que parecia ser uma jaguatirica e que matou mais de uma centena de frangos, é um gato maracajá, da mesma família da jaguatirica, conforme informaram os policiais.

O animal será levado a Cruz Alta e depois de tratado e medicado será colocado em liberdade em algum lugar do Estado, já que o mesmo encontra-se ameaçado de extinção.

Compartilhe: