Tapera homenageia curso de Engenharia Florestal da UFSM

Em evento realizado na Câmara de Vereadores na tarde/noite desta segunda-feira (10), a Prefeitura de Tapera, através da Secretaria de Desenvolvimento e Departamento do Agronegócio e do Meio Ambiente e Conselho Municipal do Meio Ambiente, prestou uma significativa homenagem ao Curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal de Santa Maria, pela sua participação relevante na concretização da Floresta Municipal das Araucárias Janaína Orth.
O professor Luiz Ernesto Elesbão esteve presente à solenidade acompanhado de três estagiários do Curso que coordena na UFSM, tendo sido agraciado com uma Placa que reflete o reconhecimento da comunidade taperense pelo trabalho técnico e científico na implantação deste importante projeto para a ecologia e meio ambiente local e regional.

A Floresta Municipal das Araucárias Janaína Orth foi criada pela Lei Municipal 2.702 de 13 de dezembro de 2011, como Unidade de Conservação Municipal, destinando-se à realização de atividades de Educação Ambiental e oportunizando aos visitantes o contato e o conhecimento sobre fauna, flora, reciclagem de lixo e preservação do ambiente natural.

As atividades de educação ambiental são desenvolvidas no decurso de uma trilha de 1.176 metros e que possibilita a observação de inúmeros atrativos naturais, dentre eles, centenas de pinheiros brasileiros.

O projeto concorreu ao 3º Prêmio Mérito Ambiental Henrique Luiz Roessler, promovido pela Revista Ecologia & Ambiente, com o apoio da SEMA e FEPAM, sendo agraciado no dia 29 de junho de 2012.

Fizeram uso da palavra a secretária do Desenvolvimento Délcia Maldaner, o vereador Osvaldo Henrich Filho, que na ocasião falou em nome do prefeito Ireneu Orth e, por fim, o professor Luiz Ernesto Elesbão, Coordenador do Curso de Engenharia Florestal da UFSM, os quais enfatizaram a importância do projeto e o comprometimento mútuo pela sua consolidação como um marco ambiental de nosso Estado.

Conforme o professor Elesbão, a expectativa é que esta parceria entre Tapera e UFSM tenha sequência, considerando o interesse do Município em ampliar aquela área de preservação ambiental e a importância curricular do projeto para o curso de Engenharia Florestal.

Depois da solenidade foi servido um coquetel na Sala de Reuniões da Prefeitura.

(Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Tapera)

Compartilhe: