SOLEDADE – Novos projetos vão ser implantados pela diretoria da Aprosol

Entre as novidades anunciadas pelo gestor Hélio Lodi está a criação de um programa de incentivo ao micro e pequeno empresário

Buscando atender aos objetivos que se destinam a Aprosol, a diretoria da entidade está planejando colocar em execução novos projetos. Uma das propostas é a criação de um programa de incentivo ao micro e pequeno empresário, cuja ideia foi apresentada aos demais membros da entidade em reunião realizada no dia 17/12.

De acordo com o gestor geral da Aprosol, Hélio Ângelo Lodi, a entidade foi criada com o propósito de promover do progresso econômico e social do município. “O próprio nome já expressa esta finalidade, pois somos Associação Pró-Desenvolvimento do Município de Soledade e aos poucos vamos nos adequando aos propósitos previstos no Estatuto”, disse.

Ao falar sobre o projeto, Lodi explica que pretende firmar convênio com o banco para concessão de empréstimo aos micro e pequenos empreendedores. “Nossa intenção é fazer com que eles progridam, se desenvolvam na atividade em que atuam. Vamos criar uma conta específica e oferecer crédito subsidiado, com baixas taxas de juros e carência”, adiantou.

O gestor geral salienta que após encerrar a Exposol 2016 a diretoria vai trabalhar para normatizar e adequar o projeto. “Outra ação que também já anunciamos foi com relação ao repasse de 50% do lucro da Exposol para as entidades sociais. Para o futuro também já estamos planejando outras ações visando o desenvolvimento de Soledade”, garantiu.

Hélio Lodi ponderou que está previsto no Estatuto entre suas finalidades a promoção da assistência social, bem como a criação de programas ou planos de ações, doação de recursos físicos, humanos e financeiros.

(Maurício Orsolin)

Compartilhe: