SAÚDE – Como diminuir os gases (flatulência)

Flatulência são gases intestinais, que causam grande desconforto, além de poder trazer constrangimento social. Esses gases são formados pelo ar engolido durante a fala e enquanto comemos ou por gases formados no aparelho digestório. Eles são expelidos por via oral (arrotos) ou via anal (gases intestinais).

O que pode causar flatulência? Consumir excesso de leguminosas como feijão, lentilha, ervilha, grão de bico, soja. Consumir excesso de vegetais como repolho, brócolis, couve-flor, couve, cebola, aspargo, rabanete, batata-doce, pimentão, pepino, aipo, berinjela. Carnes muito temperadas e defumadas, ovos cozidos, peixes, frutos do mar, queijos muito maduros (gorgonzola, parmesão), açúcar branco ou mascavo, Fibras: importantes para o bom funcionamento do intestino, em excesso ou quando não habituado a uma grande quantidade podem produzir gases e causar má digestão. Não se esqueça que um consumo elevado de fibras deve ser acompanhado por um consumo apropriado de líquidos, especialmente água.

Adoçantes artificiais: utilizados para adoçar chicletes e outros produtos diet podem inclusive causar diarreia. Os mais comuns são sorbitol, manitol, e xilitol. Alimentos gordurosos: batatas fritas, carnes gordas e molhos a base de óleos ou maionese podem causar gases e diarreia. Bebidas com gás: refrigerantes e água carbonatada aumentam o conteúdo de gases no estômago. Procure comer devagar e não falar durante as refeições, prefira alimentos ricos em fibras e beba bastante líquido; não ingerir em excesso os alimentos que causam gases, citados acima. Procurar comer alimentos como maçã, iogurte, chás concentrados de salsinha e salsão e frutas perfumadas como pera, pêssego, sem casca e bem maduras. Esses alimentos reduzem os odores das fezes. Caminhar após as refeições estimula os movimentos intestinais, melhorando seu funcionamento e evitando gases.

ALINE PREDIGER
Nutricionista 8835 D, personal diet, domiciliar e clínica

Compartilhe: