Rio Grande do Sul é o quarto maior exportador do país

Um ano atípico na agropecuária e a entrega de duas plataformas de petróleo no ano de 2013, que não se repetiram este ano, foram apontados como os principais responsáveis pela queda de 23,9% no acumulado de exportações gaúchas em 2014.

Até outubro as vendas externas acumulam US$ 16,2 bilhões nos primeiros dez meses do ano, o que significou uma redução de US$ 5,1 bilhões em relação ao mesmo período do ano anterior. Mesmo com o resultado, no ano, o Rio Grande do Sul atingiu a quarta posição entre os maiores estados exportadores: 8,46% das exportações nacionais.

O Estado ficou abaixo de São Paulo (22,43%), Minas Gerais (13,02%) e Rio de Janeiro (10,02%). Os dados foram divulgados na manhã desta terça-feira (25) pela Fundação de Economia e Estatística (FEE). “O ano mantém a média dos anos anteriores, mas por conta das plataformas e da supersafra da soja, 2013 foi um ano excelente. Por isso esse crescimento atípico”, informou o economista da FEE, Guilherme Risco. Em decorrência desse resultado, o valor exportado pelo Estado registrou uma evolução (-23,9%) bem inferior à observada no País (-4,2%), com o volume exportado registrando queda de 24,1%, bem abaixo do nacional (-0,2%).

Porém, em outubro o resultado colocou o RS em terceiro lugar no mês, atrás apenas de São Paulo e Minas Gerais. Os principais mercados para os produtos brasileiros seguem sendo a China, os Estados Unidos e a Argentina, mas com o aparecimento de outros países como o Paraguai, a Rússia, o Vietnã e a Venezuela, onde ocorre um crescimento expressivo neste ano. “Algo que pode ser apontado como uma tendência promissora é a volta das exportações de carnes para a Rússia, que estavam paradas. Se voltarmos a exportar como há alguns anos, haverá uma evolução positiva. E isto é possível por conta da crise da Ucrânia, que fez com que os russos deixassem de comprar dos EUA e de alguns países da União Europeia”, apontou Guilherme Risco.

As exportações da indústria de transformação registraram uma queda de US$ 4,5 bilhões no acumulado do ano (-27,7% em valor, -28,7% em volume e 1,3% em preços), enquanto as exportações agropecuárias recuaram US$ 612,3 milhões (-12,3% em valor, -7,2% em volume e -5,6% em preços). Dentre os principais produtos exportados pela agropecuária, destacam-se os grãos de soja, que atingiram o valor de US$ 3,9 bilhões, ou seja, 24,2% do total exportado pelo Estado. Os dados completos e as tabelas do mês de outubro e do acumulado de 2014 podem ser acessados no site.

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Compartilhe: