Prefeitura instala sindicância para apurar “apagão” na Praça Central

TAPERA – Um estranho fato foi registrado no início da noite do último sábado (04), no centro de Tapera. Inexplicavelmente todo o sistema de iluminação da Praça Dr. Avelino Steffens estava inoperante deixando aquela área totalmente às escuras.

O secretário municipal de Infraestrutura, Benito Ghillioni, alertado pelo prefeito, deslocou-se até o local e constatou a inoperância do sistema, fazendo, posteriormente, o registro da ocorrência na Brigada Militar, que emitiu um BO, cujo histórico é o que segue, grifado.

“Trata-se de um furto qualificado, sem a presença de vestígios de arrombamento no local. O bem subtraído foi um disjuntor, de alta amperagem, responsável pela iluminação de toda a Praça Central. O equipamento estava em uma caixa de luz de alvenaria, protegido por porta de aço e grades externas em ferro, além de fechada por dois cadeados. Percebe-se que o autor do furto estava usando chaves que abriram os cadeados”.

O comunicante relata que foi informado pelo prefeito municipal, sobre a falta de iluminação na Praça e, na condição de secretário de Infraestrutura, foi até o local e logo percebeu o furto. Assim, deslocou-se até a casa de Carlos Roberto Sasse (eletricista da Prefeitura) para apanhar as chaves que ainda estavam com ele. Destaca que Sasse era o responsável pela iluminação do local, sendo que no momento o referido encontra-se licenciado do cargo para concorrer à eleição municipal.

Uma testemunha relatou que pela manhã, por volta das 08h, enquanto estava no interior do seu veículo, estacionado em frente ao Hospital, pois sua mãe encontrava-se internada, observou uma pessoa (identidade está sendo preservada), em atitude suspeita junto à referida caixa de luz da Praça Central, bem em frente ao Hospital. Que então, desceu do carro e o chamou para conversar, momento em que lhe deu as costas tentando sair do local sem ser percebido, mas desistiu. Que o declarante conversou com o indivíduo por alguns minutos e percebeu que o mesmo estava de posse de chave de fenda e uma peça semelhante aos demais disjuntores da caixa de luz, ambos objetos em mãos”.

Assim, diante de claras evidências de sabotagem no sistema de iluminação, com suspeitas sobre a autoria e materialidade do fato, a Administração Municipal está instaurando sindicância para apurar responsabilidade.

Ressalte-se que a iluminação foi restaurada em torno das 20h30min, com a intervenção de um eletricista particular.

(Assessoria Imprensa – Prefeitura de Tapera)

Compartilhe: