PLACEBO (Diálogo Espírita)

Postado em 21 janeiro 2014 07:45 por jeacontece
15.292.411/0001-75

São comprimidos sem valor terapêutico, por exemplo, sendo feitos de farinha de trigo, porém distribuídos para pessoas doentes com a indicação de que aquele comprimido cura a sua doença.

Segundo diversos relatos, houve muitas curas com pessoas ingerindo aqueles comprimidos e acreditando que seriam eficientes para a sua cura.

Como isto é possível?

O próprio Mestre Jesus após a cura de um enfermo dizia: “Vai a tua fé te curou”.

Os Espíritos Superiores, por intermédio de diversos médiuns, informam que o potencial está dentro de cada um.

Todos concordam que a energia da gravidade existe, porém não é visível aos olhos humanos, portanto, faz parte das Leis da Natureza, ou seja, das Leis de Deus.

Da mesma forma movimentamos energias, não visíveis aos nossos olhos, mas, cujo resultado é comprovado e sentido.

Este resultado benéfico está dentro das Leis da Natureza, das Leis de Deus, não sendo nada sobrenatural.

Quando acreditamos na cura de uma doença que nos tenha alcançado, movimentamos energias curadoras, que vão reestruturando as células doentias ou mortas.

É evidente que não vamos somente permanecer no nosso desejo e deixar de ir ao médico e tomar os remédios receitados.

Entretanto, estes próprios remédios receitados vão agir com mais eficácia se colocarmos o potencial das energias de pensamento positivo, alto-astral, fé e esperança.

O hipocondríaco é aquele que mesmo tomando os remédios, acha que não vai se curar.

(Sociedade Espírita Raios de Luz de Tapera)

Postado em 21 janeiro 2014 07:45 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop