PIB do terceiro trimestre deve ficar próximo a zero

O Produto Interno Bruto brasileiro subiu 1,5% no segundo trimestre, elevando para 3,3% a recuperação econômica em relação ao mesmo período do ano anterior. Entretanto, segundo o colunista do Portal Agrolink, doutor em economia internacional Argemiro Brum, a expectativa do governo para 2013 está demasiadamente positiva.

O resultado do segundo trimestre aponta que o PIB foi puxado principalmente pelo setor primário, com um crescimento de 3,9%, enquanto a indústria ficou com 2% e os serviços com 0,8%. Isto se deu devido à comercialização da safra de verão, principalmente da soja, que teve boa produção e preços bons. Mas Brum alerta que o mesmo não deve ocorrer no terceiro trimestre. Além disso, a indústria brasileira, que havia crescido 2,7% em junho, em relação a maio, teve um recuo de 2% em julho em relação a junho, confirmando os altos e baixos do setor durante o ano. “Assim, o mercado já adianta que há fortes possibilidades de o PIB no terceiro trimestre ficar próximo a zero”, pondera.

Agrolink

Compartilhe: