PASSO FUNDO – Recanto Temático aborda o reencontro entre o ser humano e a natureza

Postado em 08 março 2013 07:26 por jeacontece
15.292.411/0001-75

UPF apoia o espaço, desenvolvido em parceria com o Gesp, Cotrijal e
Emater e oferecido à comunidade na Expodireto 2013

O dia-a-dia corrido muitas vezes não possibilita ao ser humano o
convívio com a natureza, e não raras às vezes, esse encontro traz
prejuízos e problemas para o meio ambiente. Pensando em apresentar aos
visitantes da Expodireto Cotrijal 2013 alternativas para preservação,
conservação e convivência saudável com a natureza, a Universidade de
Passo Fundo (UPF), juntamente com o Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas
(Gesp), Cotrijal e Emater, montou o Recanto Temático, um espaço para
conhecer mais de perto o meio ambiente e as consequências das ações do
homem. O tema escolhido para esta edição foi (Re)Encontro: natureza e
ser humano.

Representando a UPF, o Museu Zoobotânico Augusto Ruschi (Muzar), ligado
ao Instituto de Ciências Biológicas (ICB), colaborou para a organização
do local. Segundo a bióloga responsável Flávia Biondo da Silva, a ideia
é valorizar a vegetação no entorno do Recanto Temático, destacando 11
pontos de interação com o público, de forma que os visitantes sintam-se
envolvidos pela natureza e pela cultura ali apresentadas.

Além disso, Flávia recorda que são trabalhados subtemas como a
diversidade natural, polinização, controle natural, proteção das águas,
relação nativas e exóticas, extinção, impacto da cidade, agroecologia,
parede viva, além de turismo rural e ecológico e diversidade cultural.
“O espaço tem o objetivo de fazer com os visitantes percebam o quanto o
ser humano é ligado à natureza e como se ligar ainda mais, trazendo a
natureza para perto de si ou indo até ela. A UPF apoia a ação, uma vez
que condiz com as propostas que o Muzar desenvolve para a sensibilização
da comunidade”, destacou.

Mudança que se faz pelo conhecimento
Para o representante do Gesp, Paulo Fernando Cornelio, é preciso criar e
incentivar uma cultura ambiental, repassando orientações sobre
agricultura ecológica, reutilização de materiais e as possibilidades de
turismo ecológico. “Queremos fazer um trabalho de aproximação,
principalmente do agricultor e as comunidades dos centros urbanos, com a
natureza. Ainda existe hoje um distanciamento entre o homem e a
natureza, tanto que os problemas ambientais estão cada vez maiores. Por
isso não podemos ser negativos e precisamos buscar possibilidades de
reverter essas problemáticas”, frisou o ambientalista.

Noeli Althaus Wentz é agricultora e mora em Victor Graeff. Todos os anos
ela visita o Recanto buscando novas ideias e possibilidades de trabalhar
sem prejudicar a natureza. “Eu participo todo o ano da feira e sempre
dou uma passada no espaço. Além de divertido, é uma oportunidade de
aprender um pouco mais sobre a natureza, dicas de preservação e
conservação”, observou. O Recanto Temático está localizado junto ao
estande da Emater.

(Assessoria de Imprensa – UPF)

Postado em 08 março 2013 07:26 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop