PASSO FUNDO – Posse de armas está crescendo mais do que no ano passado, diz delegado

As medidas de flexibilização do acesso às armas de fogo no Brasil, que ganharam forte impulso no governo Jair Bolsonaro, fizeram com que as armas nas mãos da população crescessem 601% em dez anos. Segundo dados da Polícia Federal, o Brasil possui atualmente 1,1 milhão de armas de fogo registradas, sendo 550 mil delas nas mãos de civis.

Em Passo Fundo, conforme dados da Polícia Federal, o ano de 2019 fechou com 2.586 armas registradas. Neste ano, até a data de ontem (20), o número de armas registradas já era de 1.200, mostrando que neste ritmo haverá um total de registros bem superior na cidade.

Em entrevista na Uirapuru, o delegado da Polícia Federal de Passo Fundo, Sandro Bernardi, explicou que há uma diferença entre posse e porte. O porte é uma autorização mediante justificativa de risco para que uma pessoa, habilitada, porte uma arma de fogo em qualquer lugar. Já a posse ou registro permite que o dono tenha a arma em casa ou em um escritório de maneira a proteger aquele local. Ele não pode circular com aquela arma, apenas manter dentro de sua propriedade.

O delegado revelou que o perfil das pessoas que encaminham o registro das armas na cidade é bem variado, mas tem idosos, agricultores e até pessoas mais jovens solicitando. Lembrou que a idade mínima para o registro é 25 anos e a pessoa precisa passar por testes de manuseio e perícia da arma, além de psicologia e provar que não teve nenhum problema de conduta.

Créditos: Reprodução / Internet
Rádio Uirapuru

Compartilhe: