PASSO FUNDO – Irmãs de Notre Dame iniciam projeto “Caminhos do Bem Viver”

Postado em 20 fevereiro 2020 06:21 por jeacontece
15.292.411/0001-75

Oitenta por cento dos consagrados e consagradas à Vida Religiosa no Brasil atingiram a faixa acima de 65 anos. A informação é do professor do Instituto de Filosofia Berthier, Iltomar Siviero, em curso recente que ministrou, em Brasília, sobre o tema. A Congregação das Irmãs de Nossa Senhora vive situação semelhante. Diante dessa realidade, a Casa Betânia, em Não-Me-Toque, foi palco, no sábado (15), para o lançamento do projeto “Caminhos do Bem Viver” – que objetiva garantir atendimento e cuidado da vida e saúde das Irmãs.

Uma frase de Santa Júlia, escrita na carta 277, serve de âncora para todo o projeto: “Se tivéssemos somente duas moedas, deveríamos reparti-las entre nós”. Com essa motivação, a atividade inaugural contou com a presença de, pelo menos, uma centena de Irmãs de Notre Dame.

Vindas das diferentes comunidades da região, as Irmãs puderam conhecer os objetivos do projeto, participar de Celebração Eucarística e de um almoço festivo. “Há uns 50 anos, a grande preocupação da Congregação era onde alocar as jovens irmãs que ingressavam na Vida Religiosa Consagrada. Era preciso abrir obras, frentes de missão, novas comunidades… Hoje, e por isto estamos aqui, precisamos encontrar meios para bem cuidar dessas mesmas religiosas. Adequar forma de vida, de trabalho e sustentabilidade”, ressaltou uma das coordenadoras do projeto, Irmã Silvania Ioner.

A superiora provincial da Província da Santa Cruz, Irmã Dirce Slaviero, enfatizou, por sua vez, a importância de viver com alegria essa fase da vida. “Trabalhamos, dedicamo-nos à missão, demos nosso melhor. Com a idade avançando, a mobilidade sofre alterações, nossa visão começa a dar sinais de cansaço, conseguimos fazer menos. Acolher e integrar em nossa vida essa nova fase depende de cada uma. A felicidade está em aceitar e continuar dando aquilo que pode, pelo bem da missão”, afirmou.

A Missa foi celebrada pelo padre Paulo Rodrigues dos Santos, que, juntamente com a Irmã Teresinha Klein, será um dos monitores do projeto, atuando diretamente nas comunidades com o acompanhamento psico-espiritual.

A médica geriatra Silvana Momm Crusius também integra o projeto de forma efetiva, conversando e visitando as Irmãs em suas comunidades. Além disso, as religiosas terão, ainda, acompanhamento em outras áreas que contribuam para o bem viver, tais como alimentação saudável e atividade física. Um momento de confraternização, com almoço festivo, encerrou as atividades do lançamento.

Rádio Uirapuru

Postado em 20 fevereiro 2020 06:21 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop