O América respira e sobre duas posições

O América/GF/Fepol fez o seu dever de casa ao vencer à noite passada a ADS (Sananduva), no Poliesportivo, por 4 a 3. Com o resultado o América deixa a zona da morte (rebaixamento) e posiciona-se em 9º lugar, uma posição abaixo do G8. A trajetória proposta nesta reta final de campeonato, metade dela foi cumprida para alegria geral.

O América começou bem, com boa marcação e rápido em quadra, mas pecava na criação. Quando se ligava no jogo criou boas oportunidades logrando êxito em quatro vezes. O time chegou a estar vencendo por 4 a 1, mas ai deu apagão, se agachou e a ADS, equipe boa e jovem, foi para cima e encostou no marcador, fazendo três gols.

Jarico, que não é mais treinador do América, largou a equipe com Ban, Márcio, Nuno, Ranieri e Maurício, entrando depois Marquinhos, Túlio, Duda e Borghetti.

Maurício, Marquinhos, Nuno (golaço) e Túlio marcaram para o América e Ronaldo (2) e Anderson descontaram para a ADS. Maurício chegou ao seu 15º gol na competição.

Cartões amarelo para Duda e Marquinhos (América) e Anderson e Ronaldo (ADS).

A arbitragem não foi bem. Para um jogo decisivo, de vida e de morte, a FGFS mandou para Tapera dois jovens árbitros que conseguiram errar para os dois lados, o jogo inteiro.

RODADA – Os jogos deste sábado: América 4 x 3 ADS, ALAF 3 x 5 ASSOEVA e Atlântico 7 x 0 AGSL.

PRÓXIMA – A 21ª rodada (penúltima) marca os seguintes jogos:

Dia 19 – BGF x ASSOEVA

Dia 22 – ASSOEVA x AFUSCA, AES x UJR, ACBF x ALAF, BGF x Atlântico e ADS x ASSAF.

O América volta à quadra, para jogar sua última partida nesta fase, no dia 29, no Poliesportivo, quando recebe a AES (Sobradinho), às 20h. Uma vitória coloca o time taperense na Segunda Fase (Quartas de Final) e lhe assegura vaga na Série Ouro 2013.

Ontem, após o jogo, Jarico anunciou que está deixando o comando técnico do América para se transferir para a China. Ele acertou com uma equipe de lá e por lá ficará por oito meses. Jarico lamentou não poder ter feito um trabalho melhor no América e deixá-lo numa situação melhor na tabela de pontos. Pediu desculpas à comunidade taperense por isso. Na saída, pediu apenas uma coisa à direção americana: que seja mais profissional no ano que vem. Javali, que treinava o América antes da chegada de Jarico, estava no Poliesportivo. Pode ser que ele comande a equipe no último jogo, no próximo dia 29.

Compartilhe: