NÃO-ME-TOQUE – Arsenal apresenta reforços para a disputa da Série Prata

Postado em 28 fevereiro 2013 10:27 por jeacontece
15.292.411/0001-75

Faltando um mês para o inicio da Série Prata, a direção do Arsenal Esporte Clube trabalha intensamente na contratação de jogadores para qualificar o atual elenco que há duas semanas vem realizando trabalhos de preparação física.

Na noite da última terça-feira (26), o presidente do Arsenal, Luciano Schmidt, confirmou a contratação dos jogadores Cássio Oliveira da Rosa, atleta que já defendeu as cores do Arsenal na Taça RBS; Fábio Bueno, jogador de Victor Graeff; e o experiente Túlio Marcus Cerutti, 34 anos, natural de Tapera, com passagem pela Itália, nas equipes do Brillante e Cagliari.

Com o objetivo de intensificar a preparação para a estreia dia 06 de abril, em Nova Prata contra a equipe do União, o Arsenal fará neste mês de março alguns jogos treinos. O primeiro jogo treino será realizado dia 09 de março, às 18 horas, no ginásio Breno Kirinus. No dia 16 de março, às 19h30min, a equipe não-me-toquense fará o segundo teste afim de avaliar as condições dos atletas. Já no dia 22 e 23 de março, o Arsenal jogará o Quadrangular Regional, em Tapera contra as equipes da região: América, Ibirubá e Cruz Alta. No dia 30 de março, vésperas da estreia na competição, o Arsenal fará seu último teste.

Para Tulio Cerutti, que já treinou com a equipe na noite da última terça-feira (26), o Arsenal está resgatando a história de Não-Me-Toque no futsal. “Eu gostei do projeto da equipe, espero poder desempenhar um bom papel em quadra. Sabemos que é difícil o primeiro ano na Série Prata. Não-Me-Toque tem uma história no futsal e está voltando ao cenário estadual. Então, esperamos fazer um bom papel e a torcida voltar a frequentar o ginásio. Sabemos que Não-Me-Toque se destaca na região com o futebol de campo. Por isso o salão também precisa voltar, e assim a população de Não-Me-Toque terá mais um lazer nos finais de semana”. Experiente, Túlio já passou por grandes clubes brasileiros e também italianos. Jogo futsal desde os 16 anos. Comecei em 1995, com o Fábio Brentano (preparador físico do Arsenal), nas escolinhas do Sercesa em Carazinho. Joguei em São Paulo, Santa Catarina e na Europa também. Foi uma experiência muito boa.

Já para Marcelo Todeschini, que também passou pela Itália afirma ter assumido um novo desafio. “Assumi o desafio com o Arsenal de representar Não-Me-Toque na Série Prata. Aceitei o projeto do Arsenal, pois vi que são pessoas certas, pessoas com o intuito de crescer cada vez mais. Montamos um grupo humilde nesse inicio de campeonato, pessoas conhecidas da região, mas eu tenho certeza que, com a base que nós temos hoje, conhecendo os guris que fazem parte do grupo, podemos representar muito bem Não-Me-Toque e chegar entre oito melhores do campeonato.” Marcelo que tem a marcação como característica ressalta que a parte defensiva é muito importante para um time de futsal “Sempre joguei de ala, mas tenho atuado mais na parte defensiva. A marcação com certeza é meu forte. Dentro de quadra, minha disposição sempre é 100%. A marcação hoje no futsal é 80%. Você ter um grande time, com grandes jogadores, mas que não marcam, não tem como vencer”.

(Assessoria de Imprensa – Arsenal Esporte Clube)

Postado em 28 fevereiro 2013 10:27 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop