NÃO-ME-TOQUE – Aprendiz do Campo: semeando o futuro na agricultura

Uma gurizada cheia de ideias e gosto pela lida no campo já circula pelo Parque da Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque, deste esta sexta-feira (5). Vestidos com o uniforme, crachá e carregando material do Programa Aprendiz Cooperativo do Campo, o grupo de 21 adolescentes, de 14 anos a 16 anos, filhos de associados da Cotrijal, mostrou que está disposto a aprender mais sobre gestão de propriedades rurais, acesso a crédito e produção de grãos e leite. O programa-piloto, pioneiro no Brasil, é uma parceria entre a Cotrijal e o Sistema Ocergs-Sescoop/RS e deverá servir de modelo para outras cooperativas do Brasil.

Otávio Gniech, 15 anos, de São João do Gramado, interior de Não-Me-Toque, era um dos mais animados. “Quero aprender bastante e trocar experiências com colegas que também têm esse desejo”, falou. Apesar da pouca idade, ele já decidiu que quer ficar no campo, mas vai cursar agronomia. A escolha veio ainda criança e por influência de profissional da Cotrijal que atendia a propriedade da família.

“Tô bem curiosa. Acho que vai ser muito bom”, disse a sorridente Rauéli Barboza, 15 anos, de Linha Gramado, interior de Não-Me-Toque, minutos antes do início da aula sobre Cidadania e Trabalho com a psicopedagoga da Coopater, Dóris Anselmo. Desde a quinta-feira, 4, Dóris está passando nas propriedades para captar a realidade de cada família.

“A intenção é dar um ar de profissionalização para esses adolescentes e promover a sucessão tecnificada”, explicou o engenheiro agrônomo e coordenador do programa pela Coopater, Pedro Henrique Guardiola Ferreira, que vai trabalhar a parte específica do projeto. A Coopater é a cooperativa contratada pelo Sescoop/RS para ministrar as atividades do Aprendiz Cooperativo do Campo.

Um aliado
O presidente da Cotrijal, Nei César Mânica, vê no programa um aliado para a sucessão nas propriedades. “É uma iniciativa inovadora e desafiadora e que vem para capacitar nossos jovens, mas dentro da sua realidade. Tenho certeza que vai gerar bons frutos”, afirmou.

Aula inaugural
A primeira turma do Aprendiz Cooperativo do Campo teve aula inaugural na quarta-feira, 3, na sede da Cooperativa, em Não-Me-Toque. O grupo foi informado sobre o Código de Conduta da Cotrijal, normas de Segurança, sobre o funcionamento do Parque da Expodireto Cotrijal, sede das aulas teóricas, que acontecem no turno inverso ao escolar, e as aulas práticas, que serão ministradas nas propriedades rurais.

A aula inaugural foi realizada na Sala Soja, com a abertura da gerente de DHO, Iara Silveira da Cruz, e gerente da Unidade de Desenvolvimento Cooperativista (Decoop), Leila Mertins, foi coordenada pela analista de RH, Daiane Bettim. A aula reuniu ainda turma de 19 adolescentes e jovens do Programa Aprendiz Cooperativo Auxiliar Administrativo, que também iniciou atividades teóricas na Expodireto nesta sexta.

Programa na Cotrijal
Na Cotrijal, já são três as modalidades do Programa Aprendiz Cooperativo:
Aprendiz Cooperativo Auxiliar Administrativo – Início em 2008 e já formou mais de 400 jovens.
Aprendiz Cooperativo Serviços de Supermercados – Início em agosto de 2015 com 21 adolescentes e jovens.
Aprendiz Cooperativo do Campo – Início fevereiro de 2016 com 21 adolescentes.

(Elisete Tonetto – Assessoria de Imprensa da Cotrijal)

Compartilhe: