NÃO-ME-TOQUE – A mulher no cenário sociopolítico

O Seminário de Orientações às Novas Administrações, promovido pela Famurs, de 6 a 8 de fevereiro, teve um dia de programação paralela voltada às mulheres que ocupam cargos na área política. A mulher no cenário sociopolítico foi um evento que reuniu as primeiras-damas, secretárias, prefeitas, vice-prefeitas.

A Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres, programou o dia 07/02 para debater o papel da Mulher no Cenário Sociopolítico. Vários nomes de representatividade política contribuíram com a discussão deste tema, dentre eles a prefeita de Cristal, a Sra. Fábia Almeida Richter, a ex-ministra Emília Fernandes, a Sra. Clarissa, representando a Ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, a jornalista Carolina Bahia, que trataram sobre aspectos relacionados a inserção das mulheres no mercado de trabalho, os obstáculos e desafios que enfrentam cotidianamente, as condições econômico-sociais das mulheres chefes de família, além da questão da violência contra a mulher.

Especificamente sobre a questão da violência contra a mulher, o deputado estadual Edegar Preto discorreu a respeito do enfrentamento da violência, propondo um trabalho na transversalidade das políticas públicas, alocando recursos específicos para tratar a questão de gênero, bem como propondo a criação de casas de abrigo para mulheres vítimas de violência, até que se resolva legalmente a situação. Encerrando o dia de trabalho, as representantes do IMAMA (Instituto da Mama do RS), trouxeram números atualizados de casos de câncer de mama no Brasil (52.680), no Rio Grande do Sul (4.610) Porto Alegre (980), além da aprovação das Leis n°11.664/2008 – Lei da Mamografia e Lei n°12.732 que garante o tempo máximo de 60 dias para início do tratamento de todas as doenças oncológicas, a partir do diagnóstico.

O município de Não-Me-Toque foi representado pelo seu Prefeito Antônio Vicente Piva, a Primeira-dama Bernadete Maria Piva e a Assistente Social Fabiane Regina Galvagni.

(Assessoria Comunicação – Prefeitura de Não-Me-Toque)

Compartilhe: