Mais de 17 mil meninas de até 14 anos tornaram-se mães no Brasil em 2021

Postado em 23 junho 2022 16:03 por jeacontece
15.292.411/0001-75

De acordo com a legislação vigente, sexo com menores de 14 anos é considerado estupro de vulnerável

O caso da menina de 11 anos que engravidou após ser vítima de estupro em Santa Catarina não é exceção no Brasil. Dados preliminares do Ministério da Saúde apontam que, em 2021, 17.316 meninas de até 14 anos tornaram-se mães no País. O número tem diminuído nos últimos anos.

De acordo com a legislação vigente, sexo com menores de 14 anos é considerado estupro de vulnerável. Caso a violência leve à gestação, a criança tem direito ao aborto legal.

A maior parte dos casos de meninas de até 14 anos que tiveram filhos no ano passado foi registrada na região Nordeste (6,8 mil). A região Norte aparece em seguida, com quase 4 mil registros, seguida por Sudeste (3,8 mil), Centro-Oeste (1,4 mil) e Sul (1,3 mil).

Aborto legal

No Brasil, o aborto é permitido quando a gravidez é decorrente de estupro, quando há risco à vida da gestante ou diagnóstico de anencefalia do feto. Nesses casos, o procedimento deve ser oferecido gratuitamente pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

 

Por Redação O Sul | 22 de junho de 2022

Fonte / Reprodução: O Sul

Postado em 23 junho 2022 16:03 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop