Lixo misturado não será mais recolhido

TAPERA – Agora é para valer. A coletiva seletiva de lixo em Tapera deverá ser observada rigorosamente a partir da próxima segunda-feira (12).

Depois de alguns meses de protelações, quando se desconsiderava a mistura do lixo molhado ao seco na mesma sacola, a hora agora é de cada um assumir a sua responsabilidade para que o serviço de coleta atenda aos padrões estabelecidos e às normas ambientais.

Os catadores estarão orientados a não recolher as sacolas que estiverem com lixo misturado – molhado e seco juntos. O lixo misturado ficará nas lixeiras, até que seja devidamente separado.

A população taperense teve o tempo suficiente para se adequar ao novo sistema que é uma tendência natural e que facilita o processo de reciclagem feita pela São Judas Ambiental.

A separação do lixo deve ser feita no momento do descarte, ainda na cozinha. Basta que se tenha dois recipientes, um ao lado do outro, que a tarefa fica facilitada. Depois é só observar o roteiro da coleta. Se cada um assumir a sua parte a coleta seletiva de lixo também será exitosa em Tapera, assim como tem sido em outros tantos municípios.

O cronograma da coleta continua inalterado. Lixo orgânico (molhado) nas segundas, quartas e quintas-feiras, a partir das 14h, e sábados, pela manhã, e lixo inorgânico (seco), nas terças e sextas-feiras, a partir das 14h. Na Vila Paz, Linha Teutônia, RS 332 e Perimetral Edvino Maldaner a coleta será feita nas terças-feiras, lixo molhado, e quintas-feiras, lixo seco. No folder acima estão as orientações necessárias para participar corretamente da coleta seletiva de lixo.

(Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Tapera)

Compartilhe: