Inter tenta mudar local do Gre-Nal

O Inter está se mobilizando para trocar novamente o local do Gre-Nal desta quarta-feira, às 21h30. O jogo está marcado para Caxias do Sul, na Serra gaúcha, mas o gramado do estádio Centenário não está em boas condições. Com isso, o estádio do Vale, em Novo Hamburgo, passa a ser uma opção. A Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, também foi descartada porque o gramado estaria em piores condições do que em Caxias.

Como o estádio Alfredo Jaconi, do Juventude, recebe um Ca-Ju na quinta, às 11h, não teria como ser cedido para a partida entre os times da Capital. O Cristo Rei, do Aimoré, não tem o campo com boa qualidade no momento e estaria descartado.

O vice de futebol do Grêmio, Paulo Luz, disse que gostaria que o clássico fosse em Porto Alegre, mas afirmou que o clube se submete às determinações das autoridades sanitárias. “Grêmio vai com todos os protocolos estabelecidos”. Luz destacou que o Tricolor foi apenas comunicado pelo presidente da FGF, Luciano Hocsmann, pela troca de sede do Gre-Nal. “Não tínhamos nada a contestar (sobre a escolha do Centenário”, ressaltou.

Nessa sexta, a prefeitura de Porto Alegre manteve a proibição para jogos de futebol na cidade em virtude do aumento da ocupação de leitos de UTI nos hospitais. Em videoconferência, o prefeito Nelson Marchezan disse que a Capital está a um passo do lockdown.

A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) confirmou o clássico Gre-Nal em Caxias do Sul, e o prefeito da cidade, Flávio Cassina, afirmou ser favorável ao reinício do campeonato e a liberação da partida na cidade. “Que possamos servir de uma forma ou outra com nossa estrutura, com nossos estádios e com nossa boa vontade”, disse.

Guaiba

Compartilhe: