IBIRUBÁ – Projeto de Extensão E-TIC´s – Tecnologias na Educação

No dia 05 de Novembro, iniciou o Projeto E-TIc´s, no IFRS – campus Ibirubá.  Estão participando das oficinas sobre o uso das tecnologias na educação professores da rede municipal e estadual dos municípios de Colorado e Ibirubá. Serão ofertadas cinco oficinas, ministradas por docentes do câmpus, que tem feito uso das tecnologias em sua prática docentes e podem compartilhar a experiência com os demais colegas.

A primeira oficina teve como tema Tirinhas/Quadrinhos e foi conduzida por Fernanda Schneider, professora de Língua Portuguesa e Inglesa, que desenvolveu sua dissertação de mestrado Enunciação e humor: uma análise linguística de tiras, que explanou sobre o assunto.

A professora Fernanda ressaltou a importância do riso como elemento de estímulo ao aprendizado e do por que em estudar com humor, destacando a frase de Henri Bergson (1899), que diz: “O homem foi definido por muitos como “um animal que ri”. Abrir mão do riso – e de fazer rir – seria abrir mão do que nos torna mais humanos”.

A docente também durante o ano de 2014 está participando de um projeto sobre Ensino Híbrido, em parceria da Fundação Lemann e do Instituto Península. Ela faz parte do “Grupo de Experimentação em Ensino Híbrido e Uso de Diferentes Tecnologias em Sala de Aula” que tem o objetivo de refletir sobre o que é o Ensino Híbrido (Blended Learning) e como implementá-lo na sala de aula.

O ensino híbrido, segundo Porvir, é a combinação do aprendizado on-line com o offline, em modelos que mesclam (por isso o termo blended, do inglês “misturar”) momentos em que o aluno estuda sozinho, de maneira virtual, com outros em que a aprendizagem ocorre de forma presencial, valorizando a interação entre pares e entre aluno e professor.

Durante a oficina então foi realizada uma experiência de ensino híbrido com os docentes que participaram da atividade, sendo que os docentes deslocaram-se a biblioteca e realizaram a primeira tarefa depois seguiram para o laboratório para a implementação na ferramenta.

Na ocasião também foram sorteado livros aos participantes escritos pela professora Fernanda em conjunto com outros pesquisadores chamado Estudos de linguagem sob a Perspectiva Enunciativa.

Posteriormente, a coordenadora do Programa, Lisiane Cézar de Oliveira, e os bolsistas Maria Icilda Monteiro e Marcel Heinrich explicaram o funcionamento da ferramenta online Toondoo, utilizada para a produção de tirinhas. Em seguida, os participantes da oficina desenvolveram a atividade de produção de uma tirinha.

Compartilhe: