(IBIRUBÁ) – Coprel fornece energia com segurança

A continuidade do fornecimento de energia elétrica, mesmo em situações adversas, como temporais, é muito importante para atividades como a produção leiteira, suínos e aves, bem como em agroindústrias.

Em função dos temporais que costumam ocasionar diversos danos às redes elétricas, a Coprel apoia a instalação de geradores para suprir a demanda de energia em casos de emergência. Com o objetivo de auxiliar esses cooperantes que precisam de segurança na continuidade do fornecimento de energia em situações atípicas, a Coprel Geração e Desenvolvimento criou um fundo para financiamento de geradores tratorizados. Os geradores adquiridos com os recursos do fundo somente são instalados após a aprovação de um projeto técnico para garantir que a operação do aparelho não traga riscos.

No entanto, o cooperante que pretende instalar um gerador de energia em sua propriedade não precisa adquiri-lo através da Coprel. Existem linhas de financiamento em instituições bancárias e uma grande variedade de fornecedores. O mais importante é que os geradores instalados sigam as recomendações de segurança para evitar acidentes.

Por isso, a Coprel possui uma orientação técnica que estabelece os critérios para a instalação de geradores de energia.

A principal recomendação da Coprel para a instalação correta e segura de um gerador, independente do tipo, refere-se a instalação elétrica, a qual deve conter um painel de comando com chave comutadora ou intertravamento eletromecânico, com a finalidade de evitar que a energia do gerador seja transferida para a rede da Coprel. Esse painel deve também permitir, a qualquer momento, a visualização da fonte de energia que está sendo utilizada (Coprel ou Gerador). O cooperante que instalar um gerador em sua residência, propriedade ou indústria, deve comunicar a cooperativa, através do Discoprel.

É importante saber que…
Um equipamento gerador de energia, quando não for instalado corretamente, implica em riscos à vida.

Para os colaboradores da Coprel, existe o risco de que a energia do gerador seja transferida para a rede de média tensão, atingindo todos que estiverem trabalhando nas redes para o restabelecimento de energia elétrica.

As condições de tempo em que o cooperante precisa acionar o gerador quase sempre serão adversas. Em caso de falta de energia ocasionada por temporais, é provável que o cooperante esteja com roupas e calçados molhados pela chuva – potencializando riscos de choques elétricos em instalações inadequadas.

(Assessoria de Imprensa – Coprel)

Compartilhe: