IBIRUBÁ – Coprel Telecom conta com a parceria da Telebras para investimentos em internet

A Coprel, como cooperativa de energia elétrica, leva energia para 72 municípios do interior do Rio Grande do Sul. Seu principal mercado é o rural (77% do total), e possui uma imagem muito positiva em relação ao seu atendimento e serviço de distribuição de energia. Desta forma, os próprios cooperantes viram na cooperativa a possibilidade de levar internet de qualidade aos municípios. Através da Coprel Telecom – coligada à Coprel Geração e Desenvolvimento, foram efetuados investimentos na construção de 240Km de rede troncal de fibra óptica. Esta rede foi projetada para levar banda larga a 14 municípios do Estado até 2015.

A Telebras é a principal parceira no projeto da Coprel Telecom, pois além de oferecer o link de banda através do qual são providos os serviços de internet via fibra na região, dialoga com Coprel visando firmar parcerias em projetos futuros. No dia 13 de agosto, o presidente da Coprel Jânio Vital Stefanello, juntamente com o facilitador da unidade de Telecom Paulo Farias e o orientador comercial Rodrigo Machado, estiveram junto à sede da empresa, em Brasília. Eles foram recebidos por Caio Bonilha, presidente da Telebras, por Paulo Kapp, diretor técnico, Luiz Fernando Passos, da gerência de engenharia, e Luiz Fernandes Vergueiro, da gerência de vendas. Jânio destacou que a reunião trouxe ainda mais confiança no projeto. “A Coprel Telecom tem um projeto consistente para oferecer o serviço de internet, e também muitos desafios pela frente, como o mercado rural. É fundamental contar com a Telebras, inclusive no Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) para disponibilizarmos as melhores soluções em telecomunicações para a região.”

Um desafio muito importante, que a Coprel Telecom também expôs à Telebras, é a oferta de internet de qualidade no interior. A partir da rede de fibra, os projetos de expansão preveem a disponibilização de internet via rádio no interior, também de forma progressiva, primando pela qualidade – para poder oferecer futuramente banda de 1Mbps para as áreas rurais. “Hoje uma das maiores preocupações das famílias rurais é a permanência do jovem no interior. Este jovem vê a internet como um fator decisivo para trabalhar ou não no campo: e deve ser um serviço seguro e de qualidade”, destaca Stefanello.

A comunicação é um elemento fundamental para o desenvolvimento das comunidades. As pequenas e médias cidades, bem como o interior dos municípios, são mercados importantes e também merecem o olhar da inclusão digital. “Acreditamos na potencialidade da nossa região, e por isso, a Coprel Telecom projetou grandes investimentos para atender a esse mercado. A parceria com instituições estratégicas, como a Telebras, nos dá a segurança de que estamos no caminho certo”, finaliza o presidente.

(Assessoria de Comunicação – Coprel)

Compartilhe: