Homem é preso suspeito de estuprar a própria filha durante 3 anos

Um homem de 39 anos suspeito de estuprar a própria filha frequentemente por cerca de três anos foi preso na terça-feira, em Campinas (SP), a cerca de 100 quilômetros de São Paulo. Ele era procurado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro por ter mantido relações sexuais com a filha desde 2010, quando ela tinha 14 anos. O homem trabalhava como gerente operacional.

Segundo o degelado Marcello Maia, da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV), o suspeito visitava a filha na casa dos avós, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e estuprava a garota. Os abusos ocorriam também na casa do homem, em São Paulo, onde a jovem passava as férias. A companheira do suspeito, madrasta da adolescente, afirmou que ouvia os estupros, mas que não denunciou o crime à polícia.

A mãe da garota disse aos policiais que o homem também abusava da outra filha do casal, cuja idade não foi informada. A Polícia Civil investiga a denúncia.
O suspeito foi levado ao Rio de Janeiro e responderá por violação sexual mediante fraude. Ele pode ser condenado a uma pena de dois a seis anos de prisão.

Terra

Compartilhe: