Grupo Folclórico Cultivo do Passado: 30 anos

História de muitas famílias locais em Lagoa dos Três Cantos. LTC, quando ainda distrito de Tapera (RS), iniciou sua caminhada no segmento cultural da dança e outros, percebendo a importância da cultura de origem. Trinta e duas pessoas, com o apoio da Escola Estadual Joaquim José da Silva Xavier, tiveram a ousadia de fundar o Grupo Folclórico Cultivo do Passado (Grupo de Danças Folclóricas), em reunião na Escola, em 12 de junho de 1982, com apoio de pais, professores, alunos e comunidade. Inicialmente o objetivo era abrangente: danças de diferentes folclores, teatro e canto coral.

A denominação do grupo resultou de um concurso interno. Das várias sugestões, o nome escolhido foi Cultivo do Passado como significado de resgate e preservação da cultura dos antepassados. E o lema “Quem honra a tradição ama seu rincão” ainda se faz presente nos trabalhos e na vida dos integrantes do Cultivo do Passado, repassando esse sentimento aos familiares e à comunidade local e por onde o grupo se apresenta.

As primeiras atividades e ensaios do grupo aconteciam em uma das salas da Escola Estadual. Algum tempo depois, integrantes do grupo, pais, comunidade e colaboradores ergueram um galpão aos fundos do terreno da Escola utilizando a madeira da demolição da antiga Escola. E o galpão, que passou a ser a casa do grupo, recebeu como decoração objetos que eram utilizados pelos antepassados.

Em 1983, aconteceu a inauguração do galpão, que foi bastante concorrida. Na oportunidade, o grupo se apresentou pela primeira vez. Durante sua existência, as dependências desse galpão, de chão batido, foram contempladas e ouviram muitas narrativas emocionantes e causos, mateadas e acampamentos que tornavam vivas e presentes as histórias vividas pelos antepassados.

Os primeiros ensaios foram com som mecânico que logo foi substituído por música ao vivo, tornando as apresentações muito mais emocionantes. Para um grande público, a primeira apresentação foi no campo do Grêmio Esportivo Lagoense, em Lagoa dos Três Cantos, então reconhecido em nível estadual. Fora do território do distrito, alguns afirmam que a primeira apresentação tenha acontecido em Arroio Bonito, interior de Não-Me-Toque. Outros, porém, afirmam que a primeira apresentação tenha sido em Tapera, no galpão do Grupo Folclórico Quatro Ventos.

Já no início de suas atividades artísticas, o Grupo Folclórico Cultivo do Passado se apresentou duas vezes no Programa Galpão Crioulo.

Aos poucos, já em 1983, o grupo foi sendo atraído pelas danças germânicas como forma de consolidar a identidade da cultura local e suas origens.

Em 1985, surgiu o 1º Festival do Chucrute, hoje com a denominação de Sauerkraut Spielfest tornando-se evento oficial do grupo e marca característica do povo três-cantense.

E o grupo continua avançando e aprofundando conhecimentos. Os trajes passam a ser resultado de pesquisa e estudos para se integrar aos passos e representar de forma mais fiel à cultura de origem para aqui serem apresentados, trajes típicos, específicos com figurinos originários de regiões da Alemanha como Westfália, Hunsrik e Pomerânia e Tirol, tornam cada vez mais viva a origem germânica sempre presente na cultura do município.

Como consequência desse esforço e com o apoio da Administração Municipal, em setembro de 1998, através de um intercâmbio cultural, o Grupo Folclórico Cultivo do Passado recebeu grupos estrangeiros da Itália, México e Portugal para o 1º Festival Internacional de Folclore acontecido em Lagoa dos Três Cantos.

O Grupo Folclórico Cultivo do Passado é reconhecido e considerado um dos melhores grupos e dos mais gabaritados do Rio Grande do Sul, recebendo convites e visitas de grupos de todo o Estado, País e até do exterior.

São 30 anos de conquistas, sucesso, conhecimento, intercâmbio, vitórias sobre as dificuldades internas e sobre os momentos mais conturbados. E o grupo está vivo e atuante, jovem e ativo.

O Grupo Folclórico Cultivo do Passado participou em vários eventos realizados na região como Tapera, Ibirubá, Não-Me-Toque, Quinze de Novembro, Espumoso e Fortaleza dos Valos. Também em empresas, universidades, festas beneficentes, tendo participado ainda com grande brilho em outros festejos e encontros de grupos folclóricos em Ijuí, Carazinho, Passo Fundo, Coqueiros do Sul, Colinas, Frederico Westphalen, Chapecó, Aratiba, Chapada, Ronda Alta, Cerro Largo, Augusto Pestana, Coronel Barros, Condor, Forquetinha, São Martinho, Mato Queimado, Santo Cristo.

Oktoberfest de Igrejinha e Santa Cruz do Sul, São Lourenço do Sul, Entre Ijuís, Agudo, Três de Maio, Cruzaltense, Imigrante, Itapiranga (SC), São Miguel do Iguaçu (PR), Blumenau (SC), Congresso da ARTAFAN em Irai, Festival do Folclore de Nova Petrópolis, Encontrão de Grupos Folclóricos. Participou da Oktoberfest da Argentina e do 47º Festival Nacional da Cerveja em Villa General Belgrano, Argentina, em outubro de 2010. Participou ainda do XVII Brooklinfest, em São Paulo, em outubro de 2011.

O Grupo Folclórico Cultivo do Passado de Lagoa dos Três Cantos tem como finalidade resgatar, cultivar e honrar a cultura e envolver a comunidade, principalmente crianças e jovens, em lazer sadio valorizando a origem dos ancestrais em seus costumes e raízes.
– Estimular e desenvolver atividades de entretenimento, congregando todas as pessoas que delas quiserem participar, sem distinção de raça, credo, nacionalidade, sexo ou idade;
– Transmitir através do intercâmbio cultural os valores da cultura Alemã;
– Manter o elo entre os Grupos Folclóricos.
Possui atualmente possui três categorias de dança: Infantil, Infanto-Juvenil e Oficial, envolvendo 66 dançarinos a partir dos três anos de idade, coordenados pelos irmãos Diego Alexandre Jost e Christiane Carine Jost Hartmann( também presidente da entidade). O grupo ensaia semanalmente no Clube da Sociedade Recreativa Sempre Unidos de Lagoa dos Três Cantos.

Anualmente comemora seu aniversário e realiza o Sauerkraut Spielfest (Festival do Chucrute) no primeiro ou segundo final de semana de junho, um Festival Típico Germânico com comida, bebida e principalmente dança típica alemã e muita diversão. Este ano, estará na 28º Sauerkraut Spielfest e 30º aniversário no dia 09 de junho de 2012, próximo sábado na Sociedade Recreativa Sempre Unidos de Lagoa dos Três Cantos, com animação da Banda Munique de Concordia (SC).

Nossos munícipes e admiradores culturais mostram-se orgulhosos pela valorização da origem dos antepassados, trazida há tantos anos. Uma família germânica que cresce a cada ano com muito trabalho e acima de tudo “AMIZADE E DEDICAÇÃO“ (Christiane).

“GRUPO FOLCLÓRICO CULTIVO DO PASSADO HÁ 30 ANOS, CULTIVANDO A TRADIÇÃO GERMÂNICA EM LAGOA DOS TRÊS CANTOS”.

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: