Governo aceita flexibilizar horário da ‘Voz do Brasil’, diz ministro

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse nesta quarta-feira que o governo federal aceita a proposta de flexibilização do horário de transmissão do programa A Voz do Brasil, caso seja aprovada pela Câmara dos Deputados.
A informação foi prestada pelo ministro aos participantes do 26º Congresso Brasileiro da Radiodifusão, evento promovido pela Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert).

“Quando ainda era ministro do Planejamento, acompanhei as tratativas relativas à proposta de flexibilização do horário para transmissão de A Voz do Brasil do governo no Congresso Nacional. Tínhamos dado sinal verde para que eles os parlamentares fizessem as alterações de forma independente”, disse o ministro. Bernardo ainda garantiu: “sou favorável à votação da proposta”.

Ontem, o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), disse durante a abertura do evento promovido pela Abert que a proposta será colocada na pauta de votações da próxima semana. O 26º Congresso Brasileiro da Radiodifusão continua até amanhã, em Brasília. Com o tema principal O Brasil e o Mundo Grátis, o evento comemora os 90 anos do rádio brasileiro, os 40 anos da TV em cores e os 50 anos de fundação da Abert.

Agência Brasil

Compartilhe: