“Eu vi a carroceria do caminhão se projetando para a nossa pista”, relata escrivão.

Um repórter e um cinegrafista morreram em acidente na ERS-122, em Farroupilha, na Serra, na madrugada desta sexta-feira, 27. Um comboio formado por carros com jornalistas e viaturas policiais que iriam cobrir uma operação do DEIC foi atingido por um caminhão carregado com laranjas, que perdeu o controle e invadiu a pista contrária. O escrivão Tomé Moreira relata como foi o momento do acidente: – Eu vi a carroceria do caminhão se projetando para a nossa pista. Além do nevoeira, há óleo na pista, o que a deixa escorregadia. As vítimas fatais foram identificadas como o repórter Enildo Paulo Pereira, o “Paulão”, e o cinegrafista Ezequiel Barbosa. Estão entre os feridos o fotógrafo Marcelo Oliveira, o repórter Eduardo Torres e o motorista Anderson Samuel Belmonte Alves, todos do jornal Diário Gaúcho, além do repórter Cid Martins e do motorista Lúcio Pereira de Moraes, ambos da Rádio Gaúcha. Há interrupção total nos dois sentidos do trecho na altura do km 47 da rodovia conhecido como “curva da morte”. Sargento conta que já há registro de 19 mortes somente em 2012.

Rádio Gaucha

Compartilhe: