ERNESTINA – Secretaria de Obras executa trabalhos de recuperação nas vias rurais

A sequência de chuvas registrada nas últimas semanas provocou estragos nas vias rurais de Ernestina. O alto índice pluviométrico que atingiu o sul do Brasil e deixou milhares de desabrigados, além de interditar dezenas de ligações asfálticas, prejudicou o tráfego pelas estradas ernestinenses. Para que fossem possíveis trabalhos emergenciais da Secretaria de Obras nas estradas, foi preciso aguardar a diminuição da chuva e a incidência do sol. Desde o início da última semana, a secretaria está com as máquinas e a equipe mobilizadas em dar melhores condições de trafegabilidade pelas vias rurais.

Devido à falta de segurança para a circulação do transporte escolar, as aulas nas redes municipal e estadual de ensino foram suspensas desde a terça-feira, dia 1º de julho, até sexta-feira, 04. Elas foram retomadas normalmente nesta segunda-feira, dia 07, e, conforme a secretária de Educação, Ingrid Worst, os dias letivos serão recuperados ao longo do ano, não prejudicando o calendário escolar e o aprendizado dos estudantes. “Há localidades em que o acesso era muito difícil e não podíamos colocar em risco a segurança dos estudantes e dos professores”, assinala Ingrid. A decisão foi tomada em conjunto entre a administração municipal e as secretarias.

Entre as primeiras ações emergenciais, foram largadas e espalhadas cargas de cascalho nos trechos das estradas que apresentavam situação precária. Após, foi retomado o processo de recuperação das vias e, então, elas serão revitalizadas. “Dar condições de segurança à população ernestinense no tráfego pelas estradas é, agora, a nossa prioridade. Neste momento, a equipe da Secretaria de Obras realiza trabalhos de urgência, para que a população possa transitar pelas vias, assim como o transporte escolar e os caminhões da bacia leiteira”, relata a vice-prefeita de Ernestina, Diná Lima da Silva. “Agora, a equipe da Secretaria de Obras promove trabalhos de recuperação das estradas, que foram muito danificadas pelas chuvas das últimas semanas”, explica o prefeito, Odir João Boehm.

(Fabricio Carvalho – Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ernestina)

Compartilhe: