ERNESTINA – Instituído o Conselho Comunitário Municipal para o acompanhamento de pleitos

Durante as audiências públicas do programa Encontros com a Comunidade, realizado em maio e junho deste ano com todas as comunidades ernestinenses, foi formado o Conselho Comunitário Municipal, com dois representantes em cada microrregião que recebeu as audiências. O conselho de munícipes irá acompanhar os pleitos solicitados pela população durante esta edição do programa.

Os encontros propostos pelo programa são oportunidades de a administração municipal prestar contas às comunidades sobre as ações executadas pela atual gestão. Além disso, é uma possibilidade de diálogo direto entre os líderes do Executivo, o secretariado municipal e a população, que pode dar sugestões de projetos e reivindicar melhorias viáveis que ache pertinente, solicitações que são analisadas pela equipe da administração municipal e, se for constatada a viabilidade da execução, serão incluídas até o mês de outubro na Lei Orçamentária Anual (LOA) de Ernestina. A LOA é uma lei elaborada pelo Executivo municipal que prevê as despesas que devem ser incluídas no orçamento do próximo ano.

Entre as demandas levantadas pelas comunidades, estão cargas de cascalho para vias rurais, revitalização e recuperação de estradas vicinais, melhorias no escoamento pluvial de pontos específicos nas vias, verificação da qualidade da água em uma escola e adequações no horário do transporte de integrantes da Melhor Idade. Outras solicitações enquadradas no Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB), que também foi discutido nas audiências, serão incluídas nos estudos acerca do plano.

De acordo com o prefeito de Ernestina, Odir João Boehm, a participação das comunidades foi ainda mais expressiva nesta segunda edição. “A melhor condução da administração do município só é possível indo ao encontro das comunidades, que estão no centro do planejamento das ações executadas. A partir das reivindicações da população, poderemos atender ainda mais demandas. As solicitações nas audiências complementam o plano de ações que desenvolvemos durante todo o ano, pois atendemos pedidos feitos diretamente pelos munícipes”, explicou Boehm. “É somente com a população e os poderes Executivo e Legislativo de mãos dadas que podemos melhorar a qualidade de vida da população, fazendo de Ernestina um lugar ainda melhor para se viver”, completou. Veja abaixo os membros integrantes do Conselho Comunitário Municipal eleito pela população:

– Três Lagoas: Eva Caciamani e Terezinha Marcondes;
– Consoladora: Nilson Primaz e Paulo Neckel;
– Encruzilhada Müller: Lorena Derossi Müller e Nivaldo Lago;
– Capão do Valo: Loudegar Gonçalves e Pedro Osmar de Britto;
– Faxinal: Hari Lohmann e Marli Camargo;
– Esquina Penz: Arnildo da Silva e Ivo Penz;
– Posse Barão: Marli Worm e Silviana Werner;
– Linha Tieze: Darci Dorr e Ildo Dorr;
– Ernestina: Ivandro Bergmeier, Teresinha Roering e Teresinha Rodrigues;

(Fabricio Carvalho – Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ernestina)

Compartilhe: