ERNESTINA – Iniciativa busca manter segurança alimentar e nutricional nas escolas e CRAS

Tendo em vista a possibilidade da retomada parcial das aulas presenciais no momento em que a pandemia amenizar no país, a nutricionista Jane Bonamigo, profissional ligada a Prefeitura de Ernestina, e a extensionista social da Emater, Rosane Turra Treviso, realizaram visitas técnicas as escolas municipais Dr. Orlando Rojas, Educarte, Osvaldo Cruz e João Alfredo Sachser, e também ao Cras.

As visitas objetivaram manter esses espaços públicos em condições de segurança alimentar e nutricional para a retomada das aulas e atendimentos presenciais, que pode acontecer a partir do momento em que a pandemia do coronavírus estiver controlada no Brasil. Desde o mês de março, as aulas na rede municipal estão suspensas e os estudantes desenvolvem atividades a distância.

As intervenções das profissionais foram orientadas pelos Procedimentos Operacionais Padronizados (POPS), conforme manual de procedimentos aos manipuladores de alimentos orientando a importância da higiene e manutenção das escolas. Mesmo com as cozinhas fechadas devido a suspensão das aulas, as escolas devem seguir com a manutenção e limpeza dos equipamentos e estabelecimentos conforme as normas de segurança.

Nas abordagens, a nutricionista Jane orientou as profissionais das escolas a respeito da importância da higiene e manutenção dos equipamentos, que precisam ser mantidos através das boas práticas e orientações. Sugeriu, ainda, ações de desinfecção como medidas preventivas para evitar casos de infecção ou de suspeita pelo Covid-19. Durante a visita ao Cras, também foram repassados mais alimentos ao centro, que os doará às famílias dos estudantes em situação de vulnerabilidade social.

A manutenção dos espaços escolares em boas condições é ressaltada pela secretária de Educação, Cultura, Desporto e Turismo, Ingrid Worst. “Parabéns a Jane e a Rosane pelo trabalho, essa ação é fundamental para garantir que todos os estudantes, professores e demais colaboradores retornem aos ambientes escolares com segurança, quando isso for possível”, acrescenta a secretária Ingrid.

Prefeitura de Ernestina

Compartilhe: