Energias renováveis será destaque na 14ª Expodireto Cotrijal

NÃO-ME-TOQUE – A palavra sustentabilidade estará mais presente na 14ª Expodireto Cotrijal. Para 2013, a área de meio ambiente da Cotrijal prepara um espaço para apresentar as energias renováveis eólica e fotovoltaica. O projeto está sendo elaborado desde o último ano e conta com o apoio do pesquisador e engenheiro agrônomo Udo Schmiedt. Com o objetivo principal de formar uma consciência de que há energias renováveis ao alcance de todos, do ponto de vista técnico e econômico, serão desenvolvidas ações para que os associados da Cotrijal e o público visitante possa ver e entender o funcionamento dessas energias.

Para Deisi Sebastiani Nicolao, bióloga da cooperativa, a Expodireto Cotrijal trará a visibilidade que o assunto merece. “Queremos aproveitar essa oportunidade para mostrar as vantagens e as formas com que podemos economizar energia e assim ajudar o meio ambiente”, disse.

Serão instalados no parque da Expodireto Cotrijal aerogeradores (energia eólica) e na Casa do Meio Ambiente um sistema fotovoltaico (energia solar). As explicações sobre os temas serão concentradas nos espaços internos da casa. “No piso superior trabalharemos a energia fotovoltaica e no piso inferior será apresentado um aerogerador desmontado para demonstrar o seu funcionamento e também outros aspectos da geração dessa energia”, explica a bióloga.

Udo Schmiedt argumenta que o projeto irá apresentar alternativas modernas e que estão ganhando espaço no mercado. Ele lembra que embora o sistema de hidroelétricas seja renovável, apresenta inconvenientes, como a inundação de terras agricultáveis, o deslocamento de populações indígenas, a alteração do meio ambiente com relação a flora e fauna. “A população cresce num ritmo muito perigoso e a demanda de energia acompanha esse crescimento. Porém, as fontes de energia convencionais estão no limite, principalmente na distribuição centralizada de uma rede sucateada em grande parte do país. A energia renovável, eólica e fotovoltaica, nos brinda com autossuficiência, descentralização e redução de custos na transmissão, representando uma enorme segurança para que o país possa contar com energia nos lares, automóveis, máquinas e indústrias”.

Anfiteatro da natureza

As energias renováveis farão parte também do tema do Anfiteatro da Natureza. Apresentado durante os dias da feira, o teatro tem como público-alvo crianças, estudantes e visitantes em geral que gostam de se divertir com uma boa peça teatral. Para 2014, a Trupe Cotrijal promete inovar e trazer para o palco uma série de informações sobre as energias. “Aguardamos com ansiedade os dias da feira, principalmente para sabermos como os atores irão trabalhar esse tema tão importante para o meio ambiente e para a sociedade como um todo”, observou Deisi.

(Assessoria de Imprensa – Cotrijal)

Compartilhe: