‘Eles vieram para matar’, diz família que reagiu a assalto e matou bandido em Pontão

Postado em 29 julho 2019 09:18 por JEAcontece
15.292.411/0001-75

Pai e filho trocaram tiros com dois criminosos; um bandido morreu e o outro foi preso pela BM

Três cachorros começaram a latir em uma propriedade rural na localidade de Passo Real, no interior de Pontão, por volta das 16h40 de sábado (27).

Na casa havia uma família de agricultores: o pai, de 65 anos, a mãe de 58, e os dois filhos homens, de 31 e 36 anos.

O pai foi ver o motivo do alvoroço dos animais: naquele momento, observou dois bandidos com armas em punho; um deles usava uma touca ninja e o outro, estava ‘de cara limpa’, nos fundos da residência.

Ele viu que era um assalto e, de imediato, segurou a porta para que os dois não entrassem. “Foi muito rápido. Eles vieram para matar, com arma na mão, chegaram atirando. Gritei para ele [o filho mais velho] pegar a espingarda”, lembra.

O pai segurou a porta e os bandidos efetuaram disparos, mas nenhum acertou o homem. Quando foi aberta, o pai estava com uma barra de ferro – que é utilizada para fechar a porta – e golpeou os dois bandidos.

Ele e um dos criminosos entraram em luta corporal; a vítima conseguiu desarmar o indivíduo e utilizou a arma do marginal para se defender. O filho, já com a espingarda, também atirou contra o bandido, que morreu na entrada da porta da cozinha.

Ainda durante a ocorrência, o segundo bandido entrou na casa e atirou, mas fugiu depois pelos fundos.

Ninguém da família ficou ferido. A Brigada Militar foi acionada e policiais foram ao endereço. Com o morto, os PMs encontraram um revólver calibre 38. A espingarda calibre 12 utilizada pela família tem registro.

Prisão
O bandido que conseguiu fugir escondeu a arma e algumas das vestes no mato. Ficou algum tempo escondido e, durante a noite, foi visto por um vizinho na ERS-324, em sentido a Ronda Alta. O bandido utilizava a lanterna do telefone celular para pedir carona naquele momento.

A BM foi avisada do suspeito por um morador e o homem foi capturado na sequência, a cerca de três quilômetros da casa onde ocorreu a tentativa de roubo. Ele mostrou aos policiais onde havia escondido a arma, um revólver calibre 38, e confessou participação no crime. Ele foi também reconhecido como autor da ação e indiciado. Ainda durante a noite, o assaltante foi recolhido ao Presídio Regional de Passo Fundo (PRPF). Os dois criminosos que participaram da ação são moradores de Sarandi.

‘Para proteger a minha família’

A família de agricultores mora há mais de 30 anos no local e nunca tinha passado por algo semelhante. No entanto, vizinhos da região relatam episódios de assaltos. A família desconfia que os bandidos tenham sido deixados na localidade por um táxi por volta das 14h. Desde então, ficaram ‘de olho’ na movimentação da propriedade.

Outra suspeita é de que os mesmos indivíduos tenham sido vistos dias antes na localidade.

Os criminosos tinham cadarços que seriam utilizados para amarrar as vítimas durante o roubo. Eles acreditam que os bandidos tivessem como objetivo render a família, fazer a ‘limpa’ na casa e, por fim, fugir com veículos deles. “Foi tudo muito rápido, mas eu reagiria se acontecesse de novo, para proteger a minha família”, disse o pai.

*O nome das vítimas não será divulgado por questões de segurança

Diário da Manhã

Postado em 29 julho 2019 09:18 por JEAcontece
15.292.411/0001-75
TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop