DISFAGIA

A disfagia é uma alteração na deglutição, ou seja, no ato de engolir alimentos ou saliva. Pode ocorrer em diferentes fases da vida, especialmente em idosos, podendo trazer sérias consequências à saúde.

Na disfagia ocorre um desvio do alimento ou da saliva, obstruindo parcialmente ou completamente as vias respiratórias. Esse desvio pode ser facilitado também pelo envelhecimento natural das estruturas envolvidas na deglutição (lábios, língua, bochechas, etc.)

Além do envelhecimento das estruturas, o acidente vascular encefálico (derrame), o traumatismo craniano, as doenças neurológicas (como Parkinson e Alzheimer), as distrofias musculares e o câncer de cabeça e pescoço podem causar a disfagia.

Pode ainda surgir devido á próteses dentárias mal adaptadas, refluxo gastroesofágico grave e após longos períodos de entubação.

É necessário o entendimento de que a disfagia, além de provocar problemas emocionais e o isolamento social, causa problemas sérios, como desidratação, desnutrição e pneumonia, além do risco de morte por asfixia.

O QUE FAZER AO PERCEBER SINTOMAS DE DISFAGIA?

As alterações da deglutição devem ser diagnosticadas e tratadas conjuntamente por médicos, enfermeiros, nutricionistas e, fundamentalmente, fonoaudiólogos, que são os profissionais aptos ao trabalho específico da função.

DISFAGIA: O nome pode ser estranho, mas o problema é mais comum do que você imagina.

Fonoaudióloga Michele Linassi Trelles da Rocha (CRFª 8331)
Secretaria Municipal da Saúde de Selbach.

Compartilhe: