CRUZ ALTA – Unicruz sedia primeira sessão pública de julgamento do TRT4 na região Alto Jacuí

A comunidade acadêmica da Universidade de Cruz Alta foi agraciada na noite de ontem (12) com a sessão pública de julgamento promovida pelo Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT4). Foi a primeira vez que um evento desta natureza aconteceu na região Alto Jacuí, em uma proposta que objetivou aproximar o Poder Judiciário da sociedade civil. Quem mais ganhou foi o curso de Direito da Unicruz, que teve a oportunidade de acompanhar a atuação plena de desembargadores. A comitiva foi recepcionada pela reitora Patrícia Bianchi e concedeu entrevistas à Unicruz TV momentos antes da sessão. “É uma honra recebermos essa instituição pública aqui na Universidade. Nós comentávamos que de forma brilhante é possível com essa sessão unirmos teoria à prática”, comentou a reitora.

A lotação do Salão Nobre por parte de estudantes, professores e profissionais já era prevista. Precavida, a Universidade providenciou a transmissão em tempo real em telões no Miniauditório e no Centro de Convivência do Campus, além de um streaming pela internet. Durante uma hora e meia, a 2ª turma do TRT4 procedeu com o julgamento de 101 recursos ordinários e dois pedidos de sustentação oral. Integraram a mesa da sessão os desembargadores Tânia Maciel (presidente), Alexandre Cruz, Tânia Reckziegel e Marcelo D’ambroso, a secretária do TRT4 Ceci Dal Mass Coser e a representante do Ministério Público do Trabalho (MPT) Adriane Arnt Herbst.

“Todo o suporte que era possível termos em questão de informática, pessoal, tudo, nós tivemos aqui na Universidade. Esperamos poder retribuir toda essa gentileza”, elogiou a desembargadora Tânia Maciel.

Ao final, a 2ª turma do TRT4 surpreendeu ao quebrar o protocolo e abrir espaço para perguntas do público, demonstrando mais uma vez o interesse em contribuir para o estreitamento do vínculo com a comunidade.

(Núcleo Integrado de Comunicação da Unicruz)

Compartilhe: