Cristiano Scher falou sobre a Cotrisoja

Por ocasião da palestra de Alexandre Mendonça de Barros, realizada na AFUCO, no último dia 17, o presidente do Conselho de Administração da Cotrisoja, Cristiano Scher, em sua manifestação, falou sobre o momento por que passa a cooperativa de produção de grãos de Tapera, com atuação em Selbach, Victor Graeff e Lagoa dos Três Cantos.

Segundo ele, apesar da interferência de fenômenos climáticos, que prejudicaram sensivelmente as culturas, a Cotrisoja teve resultado extremamente positivo.

De acordo com o presidente, a Cotrisoja deve encerrar o exercício de 2012 com um crescimento no faturamento de mais de 50%, comparado com o faturamento de 2010. “Saímos de um faturamento de 100 milhões de reais, em 2010, devendo chegar ao final deste ano com um faturamento próximo aos 150 milhões de reais. Isso representa um crescimento em todas as nossas atividades, bem como a ampliação na participação no mercado agrícola da nossa área de ação”, disse.

Além disso, Scher revelou que a Cooperativa tem incrementos significativos na comercialização de insumos e fertilizantes, no recebimento de grãos, na produção e venda de rações, na comercialização de combustíveis e nos seus pontos de venda. “Esse incremento no faturamento repercutiu também nos resultados líquidos da Cooperativa. O resultado de 2012 deve ser no mínimo seis vezes superior ao de 2010. E isso só é possível graças aos nossos associados, clientes, colaboradores e parceiros. A participação e o envolvimento de todos foram fundamentais para a revitalização da Cotrisoja”, enfatizou.

Segundo Scher, a Cotrisoja conta hoje com 1.600 associados ativos, sendo que esse número cresceu mais de 20% desde a implantação do Plano de Revitalização da Cooperativa. “Cada vez mais a família passa a fazer parte da Cotrisoja, visto que esse incremento no número de associados é composto basicamente por jovens e mulheres, filhos e esposas de sócios da Cooperativa. Isso demonstra que a Cotrisoja é, sim, uma grande família, sendo que a participação dos jovens é fundamental tanto para a sucessão das atividades das propriedades rurais como para a formação de novas lideranças para conduzir o seu futuro. Nesse sentido podemos nos orgulhar por termos trabalhando na Cotrisoja uma equipe bastante jovem, aberta para inovações e mudanças e comprometida em trabalhar buscando o melhor para a Cotrisoja e para todo seu quadro social”, disse.

“O crescimento da Cotrisoja, em todas as atividades e na participação do quadro social, demonstra que o trabalho que vem sendo realizado está no caminho certo e está alicerçado em ações implantadas em 2008, no inicio do processo de revitalização, quando a Cotrisoja teve a coragem de fazer a mudança, de fazer o dever de casa, se organizar, inovar e implantar um novo modelo de gestão, uma nova forma de conduzir os negócios. Nesse sentido, algumas ações realizadas foram fundamentais para este êxito e entre elas destaco a implantação de um novo sistema de informática, o SAP, pioneiro na região, que permite o controle e o acompanhamento em tempo real de todas as operações da cooperativa, com total segurança e agilidade”, revelou Scher.

Cristiano Scher finalizou dizendo que a Cotrisoja esta focada na produção de grãos e assim todas as suas unidades estão recebendo melhorias. Em Tapera, a unidade recebeu um secador novo que aumentará sua capacidade de secagem e a qualidade do beneficiamento. Também estão sendo instalando tombadores para agilizar o processo de descarga de grãos. Alguns deles serão instalados para o recebimento do trigo e os demais para a safra de verão. Além disso, a Cotrisoja vai ampliar a capacidade de armazenagem de fertilizantes nas unidades de Lagoa dos Três Cantos, Victor Graeff e Linha Floresta – Selbach.

Compartilhe: