Conquista da Caravana da Leitura é celebrada com emoção

TAPERA – A conquista do Prêmio Cultural FAMURS/CODIC, na manhã da última terça-feira em Porto Alegre, pela Caravana da Leitura, continua repercutindo na comunidade taperense, que mais uma vez está em evidência no cenário rio-grandense. Em 2010 a premiação foi pela Toca do Coelho na categoria Arte e Cultura Popular, e agora, na Literatura e Leitura com o até então ousado e criativo projeto da Caravana da Leitura, que além de levar o livro até as escolas, às vilas e ao interior, inclui Contação de Histórias. O projeto entrou em ação em fevereiro de 2010, contando atualmente com 1.500 livros que são disponibilizados à comunidade escolar e à população em geral mediante o sistema de empréstimo pelo período de 30 dias e com cadastro de 500 leitores.

A proposta principal é levar o livro até as pessoas, de forma diferente e inovadora, promovendo o hábito da leitura, incentivando a formação de novos leitores e estimulando a imaginação das pessoas.

SOLENIDADE – Na manhã desta quinta-feira (21), foi realizada uma pequena, mas significativa solenidade de comemoração pela conquista, ocorrida na Biblioteca Pública Municipal, evento que contou com a participação do prefeito Ireneu Orth, da equipe da Secretaria de Educação, Cultura, Desporto e Lazer, de diretores das escolas municipais, estaduais e particulares; da coordenadora da Caravana, Yeda Gregori; e animadora cultural, Márcia Mattei Kumppel, oportunidade em que o Troféu foi apresentado oficialmente aos taperenses. A imprensa escrita, falada e eletrônica prestigiou a solenidade, inclusive com transmissão ao vivo da Rádio Cultura.

A diretora de Cultura Kelly Lopes fez um breve relato dos momentos que antecederam o anúncio que concedeu o prêmio para a Caravana da Leitura de Tapera e depois a comemoração pela conquista. Disse que foram momentos de apreensão e de muita emoção, para ela e para a secretária Sueli Linné, Yeda Gregori e professora Márcia que se encontravam no Auditório Dante Barone, da Assembleia Legislativa.

Na ocasião foi feita a apresentação do vídeo, que integrou o material encaminhado para análise da comissão julgadora do concurso promovido a cada dois anos pela FAMURS/CODIC.

Fizeram uso da palavra, a secretária Sueli Linné, o prefeito Ireneu Orth, Yeda Gregori e, providencialmente, a professora Márcia que contou uma história adequada para o momento.

Sueli Linné destacou que o diferencial do projeto de Tapera que chamou a atenção da comissão julgadora, é a sua sistematização, com desenvolvimento contínuo, semanalmente. Destacou, igualmente, que a importância da premiação cresce na medida em que Tapera concorreu com municípios muito maiores que apresentaram projetos pomposos, revelando além da Caravana da Leitura outros tantos programas que são desenvolvidos em nosso Município poderiam ter sido inscritos no concurso que é promovido em várias categorias, não sem antes fazer uma menção especial à importância da leitura que promove o conhecimento.

O prefeito Ireneu Orth enfatizou os projetos diferenciados que estão sendo executados em Tapera em todas as áreas. “O diferente sempre chama a atenção”. Revelou-se feliz por mais esta conquista, lembrando que quando candidato a prefeito, disse que aspirava ao cargo para fazer o diferente, para que Tapera saísse da mesmice, demonstrando satisfação por ter conseguido implementar a sua proposta e as suas ideias em todos os setores do Município.
Yeda Gregori, que coordena a Caravana da Leitura mostrou-se muita emocionada com a conquista, descrevendo a luta para que a idéia inicial frutificasse e atingisse o estágio atual, frisando, ao mesmo tempo, que a responsabilidade a partir de agora é maior ainda.

Ao final da solenidade a Animadora Cultural Márcia Mattei Kumppel, providencialmente, interveio contando uma história adequada para o momento.

 

Compartilhe: