Conheça o tratamento do câncer de pulmão de Ana Maria Braga

Postado em 17 fevereiro 2020 10:02 por jeacontece
15.292.411/0001-75

A apresentadora Ana Maria Braga revelou, nas últimas semanas, que está realizando um tratamento de quimioterapia com associação de imunoterapia para um câncer de pulmão chamado adenocarcinoma.

Cerca de 40% dos diagnósticos de câncer de pulmão são do tipo adenocarcinoma, uma neoplasia de características agressivas, muito comum em pessoas fumantes e também em não fumantes.

As chances de cura do adenocarcinoma de pulmão estão muito relacionadas com a extensão da doença no momento do diagnóstico.

Conforme o oncologista clínico do Centro de Tratamento do Câncer (CTCAN), Dr. Alex Seidel, em estágio inicial o tratamento indicado geralmente é de cirurgia, porém em quadros mais avançados, com presença de metástases, que contempla a maioria dos casos, o melhor tratamento é de quimioterapia com associação de imunoterapia.

A imunoterapia compreende medicamentos que em vez de atacar diretamente o câncer, ajudam as defesas do corpo a detectar e combater a doença. Ela é aplicada no paciente de forma intravenosa, como um soro. A principal maneira de ela agir é por meio dos inibidores de pontos de verificação imunológicos, ou seja, é como se ela liberasse os “freios” do sistema imune, fazendo com que o organismo identifique e combata as células tumorais.

“O emprego da imunoterapia, associada a quimioterapia no Brasil para câncer de pulmão, foi aprovada no ano de 2019 e vem mostrando resultados promissores no controle da doença”, destaca o oncologista do CTCAN.

A quimioterapia tem uma ação mais genérica, mata a célula que se multiplica rápido. Foi descoberto que o tumor tem algumas proteínas que o fazem ficar invisível para o sistema imune. “Com a imunoterapia, o medicamento se liga a essas proteínas e torna o tumor visível para o sistema imunológico que pode então combatê-lo”, explica Seidel.

O oncologista salienta que o câncer de pulmão é a neoplasia que mais mata no mundo e o principal fator identificado para o surgimento da doença é o tabagismo. “Cerca de 85 % dos casos de câncer de pulmão são causados pelo cigarro”, observa o oncologista.

Câncer de pulmão
São estimados 31 mil novos casos por ano desse tipo de câncer no Brasil. Conforme o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de pulmão mata cerca de 27 mil pessoas por ano no país.

Postado em 17 fevereiro 2020 10:02 por jeacontece
15.292.411/0001-75

NOTÍCIAS RELACIONADAS


Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop