Cachorro Ovelheiro Gaúcho é declarado como animal símbolo do RS

Foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa, por unanimidade, o parecer favorável ao PL 536/2019, de autoria do deputado Luiz Marenco (PDT), que declara o cachorro Ovelheiro Gaúcho como animal símbolo do Estado, reconhecendo-o como patrimônio cultural e genético do Rio Grande do Sul. A aprovação foi em reunião desta semana da CCJ.

O projeto tem por objetivo preservar as características comportamentais e morfológicas do Ovelheiro Gaúcho, mantendo a sua aptidão para o trabalho de pastoreio, guarda e companhia, para o qual foi severa e naturalmente selecionado no ambiente rural durante anos. São animais adaptados ao relevo gaúcho, que trabalham em campos, banhados e matos, situações nas quais outras raças, não oriundas desta região, apresentam dificuldades.

O Ovelheiro Gaúcho já foi incluído como animal símbolo e declarado como bem integrante do patrimônio cultural de vários municípios gaúchos. É nítida a associação da raça com as lidas campeiras, havendo um consenso de que integra a imagem clássica do homem de campo, sendo portador de referência à identidade, à ação e à memória do Estado tanto quanto o Cavalo Crioulo, o chimarrão e o Quero-Quero, já símbolos do Rio Grande do Sul.

Compartilhe: