A arte do rejuvenescimento com o Chi Kung

Postado em 23 julho 2019 16:02 por JEAcontece
15.292.411/0001-75

A prática de chi kung existe há milhares de anos no oriente, conhecida como a ginástica dos monges, foi utilizada como forma de reparo à energia e aos danos causados por combates corporais da época mas também para o aprimoramento do aspecto moral, espiritual e corporal dos chineses que eram interpretados como doentes por serem magros e de cor amarelada (aspecto típico da raça). O chi kung foi usado como forma de fortalecimento e cura rápida de doenças, dos ferimentos, para o restabelecimento da força, da energia e da saúde.

O chi kung também é uma forma de meditação ajudando o praticante a achar seu centro, equilibrar as emoções, ampliar a visão sobre as coisas, melhorar o foco, a calma, a intuição e as suas práticas espirituais, independente quais sejam, bem como o refinamento profissional de qualquer área.

Outra característica do Chi kung é ser uma prática de rejuvenescimento. Indicado por especialistas tais como cirurgiões plásticos como a técnica mais indicada na recuperação das cirurgias plásticas, pelo poder de estimular a renovação celular.

Fortalece os tendões, músculos, pele, meridianos, centros de energia e fortalecimento do sistema imunológico e endócrino melhorando a produção e o equilíbrio hormonal.

Os resultados desta prática são percebidos em horas, no bem-estar da pessoa e em dias na energia e no corpo.

Atualmente muitas empresas aderiram à pratica de Chi Kung como ginástica laboral por ser mais efetiva, completa e de resposta rápida ao bem-estar das pessoas.

É uma arte de longevidade pois chi kung quer dizer “ cultivo de energia “ em especial do CHÍ a energia vital ou a bioenergia. Venha conhecer na oficina de Chi Kung, dia 25 de julho, na Clínica Estética Zen, em Ibirubá.

Paz e Luz

Nelson Ribeiro, Terapeuta e Mentor Holístico, 54-99211-0576

Diário da Manhã

Postado em 23 julho 2019 16:02 por JEAcontece
15.292.411/0001-75
TAPERA TEMPO

Desenvolvido com 💜 por Life is a Loop