ESPUMOSO – Pais querem continuidade das aulas na Cooperativa João Batista Rotta

Os pais, alunos e funcionários da Cooperativa Educacional João Batista Rotta de Espumoso estão mobilizados desde a segunda-feira, 22, pedindo para que as aulas na escola não sejam paralisadas.

Ainda ontem, eles participaram da sessão da Câmara de Vereadores de Espumoso para apresentarem um abaixo assinado dos pais que pedem para que as aulas sejam mantidas, visto que nenhum surto foi registrado na escola e a mesma está trabalhando normalmente desde o ano passado, cumprindo rigidamente todas as medidas preventivas.

A diretora da escola, Juliane Soder, explicou que a escola segue todos os protocolos exigidos e mantém uma cobrança rígida com os alunos e pais. “Nós cobramos muito de todos os alunos, funcionários e pais sobre as medidas de prevenção, e podemos dizer que a escola é exemplo hoje, pois mesmo quando muitos flexibilizaram o uso de máscara e álcool gel, nós mantivemos a obrigatoriedade e a cobrança, por isso, não tivemos problemas com casos aqui. Além disso, dividimos as turmas maiores, para evitar que muitos alunos ocupem o mesmo espaço.’ Pontou a diretora.

A presidente da Câmara de Vereadores, Natália Strelow parabenizou a ação e disse que fará o possível para auxiliar nas tratativas. “Nós apoiamos vocês, sabemos do compromisso da escola e vamos junto com o prefeito tentar buscar alternativas para resolver a situação. Sabemos que se trata de um decreto do estado, mas vamos nos mobilizar pela escola e pelos alunos.” Comentou.

Na terça-feira, 23, depois da entrevista em que o prefeito Douglas Fontana anunciou as novas medidas de prevenção ao Coronavírus, os pais, alunos e professores foram para a prefeitura em busca de novas respostas e ouviram do prefeito que um pedido será formulado para o governo estadual, mas que por hora, o decreto deverá ser cumprido pela cooperativa.

Clic Espumoso