Ibirubá sedia nesta sexta-feira o 7º Encontro Rio-Grandense de Dança Sênior

A cidade receberá os grupos nesta sexta-feira (13)

O evento será realizado junto ao Clube Divertido no Bairro Hermany e está sendo organizado pelo Grupo de Dança “Amigas na Fé” da OASE da Comunidade Evangélica de Ibirubá.

Este encontro acontece a cada 2 anos e é realizado em cidades que possuem Grupos de Dança Sênior, este evento é itinerante e pela primeira vez virá para nossa região. O sucesso do encontro está garantido pois já estão confirmados grupos de Pelotas, Ivoti, São Lourenço do Sul, Sapiranga, Santa Cruz do Sul, Estrela, Sobradinho, Vitória das Missões, Ijuí, Canguçu, Santo Angelo, Quinze de Novembro, Morro Reuther, Brochier, Venâncio Aires e Ibirubá num total de mais de 400 inscritos.

Confira Programação:
8hs Recepção das Delegações
9hs Abertura oficial com presença de autoridades locais e regionais.
Para abertura teremos a participação especial da Banda Municipal de Ibirubá.
9h20min Apresentação à cargo dos alunos da APAE de Ibirubá
9h30min Início das apresentações dos Grupos
12h Almoço
13h15min Apresentação da ONG Filhos do Coração de Ibirubá
13h30min Início das apresentações dos grupos
16h Encerramento

A Dança Sênior surgiu na Alemanha em 1971 e veio para o Brasil em 1978, sendo oficializada em 1993. Tem como sede a cidade de Joinville em Santa Catarina. Destina-se especialmente para pessoas idosas, porém pode ser dançada por pessoas de todas as idades, inclusive pessoas com necessidades especiais. Desenvolvem-se atividades variadas de movimentos e coordenação através de danças sentadas e danças em pé. São danças cujas coreografias são estudadas, pesquisadas e adaptadas para os idosos e desenvolvidas da mesma forma por Grupos no mundo todo. No Brasil existe uma Instituição que coordena todas as atividades e para tal o país foi dividido em 7 Regionais, o Rio Grande do Sul é a Regional primeira. O principal objetivo da Dança Sênior é proporcionar uma melhor qualidade de vida ao idoso conforme o lema “Dança Sênior – Mais Vida aos Anos”.

Rádio Cidade