SOLEDADE – Funcionários dos Correios aderem à greve nacional

Serão mantidos os 30% de trabalho dos funcionários, não faltando trabalho e sim diminuindo-o

Os funcionários dos Correios entraram em greve geral por tempo indeterminado nesta noite desta terça-feira, 10/09, em assembleias realizadas em diferentes estados do país.

A categoria quer impedir a redução dos salários e de benefícios, e é contra a privatização da estatal, que foi incluída no mês passado no programa de privatizações do governo Bolsonaro.

O reajuste salarial é um dos principais pontos reivindicados pela categoria. No entanto, os trabalhadores querem também a reconsideração quanto a retirada de pais e mães do plano de saúde, melhores condições de trabalho e outros benefícios.

Em Soledade, os funcionários pararam 70% das atividades e 30% serão mantidos, tanto no atendimento ao público quanto no serviço de entregas em toda a cidade. Nesta quinta-feira, uma atividade será realizada em Soledade com membros do Sindicato dos Funcionários dos Correios

Rádio Cristal