PASSO FUNDO – Na Uirapuru, Romildo Bolzan destaca momento histórico da dupla Gre-Nal e solidez do Grêmio

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Júnior, foi o convidado do “1º Encontro de Gremistas de Passo Fundo”, realizado na noite de sexta-feira (09), no auditório do Colégio Notre Dame. Romildo palestrou sobre “Futebol e Gestão”.

Bolzan detalhou tudo o que foi feito desde a sua entrada no clube no ano de 2014, como a liberação de um plantel que naquele momento era caro e que não dava mais resultado, onde haviam jogadores como Barcos, Kléber Gladiador e Marcelo Moreno. Falou sobre a chegada de novos nomes da base, a exemplo de Luan e Everton, junto com o início de uma nova filosofia.

Os resultados do seu trabalho começaram aparecer a partir de 2015, com a disputa da Libertadores, o título da Copa do Brasil em 2016, Libertadores em 2017, e, desde então, o time não parou, sendo que a conquista mais recente foi o Campeonato Gaúcho neste ano.

Falando na Uirapuru, Romildo disse que o Grêmio tem muito sólidas as suas posições do ponto de vista de expectativas: títulos, competições e processo mais longo do clube, que passa por uma série de princípios, valores e planejamento estratégico.

Romildo salientou que estamos próximos de vivenciar um momento histórico do Rio Grande do Sul. Segundo ele, um Gre-Nal na final da Copa do Brasil ou semifinal da Libertadores são muito mais do que vitórias ou derrotas. Farão o futebol gaúcho ser valorizado no resto do país.

Romildo disse que está seguro quanto a isso, com a cabeça no lugar, nunca perdendo de vista que o seu papel é proporcionar um ambiente seguro e as estruturas para que tudo aconteça de melhor para o Grêmio e nesse ponto está absolutamente tranquilo.

Sobre a Arena, Bolzan frisou que nos próximos 90 dias haverá uma definição da Caixa Econômica Federal, através da subsidiária que administra o estádio.

Rádio Uirapuru