TAPERA – Legislativo realizou mais uma sessão ordinária à noite passada

Ontem à noite, sob a presidência de Elias Goulart (PP), foi realizada a 23ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Tapera (RS). O vereador Joel Alves dos Santos (PTB) não se fez presente e não comunicou seu suplente.

Na Ordem do Dia, três projetos de lei de origem do Executivo Municipal e uma proposição, que foram aprovados por unanimidade:
- PL 052 – Trata da composição do Conselho Municipal do Meio Ambiente;
- PL 053 – Autoriza contratação de auxiliar de ensino para a SMECDL (substituição);
- PL 054 – Autoriza contratação de auxiliar de serviços gerais para a SMECDL (substituição);
- Proposição 013 – De autoria do vereador Jacson Lauxen (PDT), solicita à Casa que seja concedido o título de “Cidadã Honorária” à professora Inês Omilde Bauermann. A matéria, votada de forma secreta, foi aprovada por unanimidade (8×0).

No espaço do Pequeno Expediente, nenhum vereador foi à tribuna. Já no das Explicações Pessoais, 06 deles foram até ela:

NERI NUNES DOS SANTOS (PP) – Falou sobre visita que fez à Secretaria Municipal de Saúde para falar sobre dengue. Disse que a doença está na região e que é preciso combatê-la. Falou ainda sobre a planta crotalária, que ajuda no combate ao mosquito transmissor.

LUIZ CARLOS PEREIRA TEODORO (PT) – Falou sobre segurança pública na cidade, especialmente no bairro Brasília. Lembrou que nos últimos tempos dois assassinatos foram cometidos no mesmo, sendo um a tiros e outro em incêndio. Mostrou-se preocupado que o bairro seja tomado pelos traficantes. Segundo ele ainda, antes o centro ia até o bairro para comprar drogas e que agora a droga se alastrou no mesmo entre seus moradores. Falou ainda sobre o asfalto na Rua Alberto Mânica e pediu melhorias em algumas bocas de lobo na via. Por fim, pediu à Administração Municipal uma atenção à iluminação pública.

JACSON LAUXEN (PT) – Falou sobre saneamento básico. Informou que não haverá cobrança por parte da Administração Municipal na realização de calçamento e que o que estão falando na cidade é mentira. Parabenizou a Administração Municipal por ter oficializado o contrato com as escolinhas de futebol e pediu a ela que abra processo para desapropriação do campo do Guarani, no bairro Elisa, e que seja dado dois anos para que o proprietário da área apareça.

ALEXANDRE DURIGON (PP) – Parabenizou o colega Jacson Lauxen pela homenagem à professora Inês Bauermann. Falou da reunião sobre violência e drogas no bairro Brasília e pediu audiências públicas para tratar sobre o assunto. Por fim, convidou a todos para o 3º Encontro de Carros Antigos e 3º Rock’in Tapera que acontecerão neste domingo (18), no centro da cidade.

LUIZ CARLOS RITTER (PTB) – Falou da falta de empregos em Tapera e da insegurança no município. Também, da queda no preço do litro do leite, pediu cascalho para o interior e a construção de um estrada secundária na perimetral leste como forma de dar segurança às pessoas que transitam por ela diariamente. E pediu à população que denuncie crimes à polícia.

LUIS CARLOS DOS SANTOS (PSB) – Falou sobre a Previdência Social.

No espaço da presidência, o presidente Elias comunicou o telefone para denúncias anônimas, sem identificação, da Polícia Civil de Tapera: (54) 9 8434 8605. Por fim, convidou seus pares para a próxima sessão, a 24ª, a realizar-se no próximo dia 19.