CRUZ ALTA – Namastê!

Palestra sobre conscientização e leitura da Carta de Intenções encerram VII Fórum de Sustentabilidade.

A busca de sustentabilidade que habita em mim saúde a busca pela sustentabilidade que há em você. Foi com essa frase que a palestra “Namastê”, do professor Jean Carlos Machado Alves, mostrou seu propósito durante o fechamento do VII Fórum de Sustentabilidade do Corede Alto Jacuí: provocar os participantes a refletirem se realmente a sustentabilidade que há em cada um, se transforma em atitude. Doutor em Sistemas de Gestão Sustentáveis, o docente apresentou conceitos ao público presente.

“Namastê é uma saudação muito utilizada em regiões da Ásia que significa “eu saúdo o Deus que há em mim e saúdo o Deus que há em você”. Nessa reflexão, eu considero que todas as pessoas têm ciência ambiental, social e política, mas falta consciência ambiental, social e política. Há uma diferença: ciência é o conhecimento, consciência é a ação. O que está faltando é as pessoas agirem”, simplificou o palestrante.

Durante a atividade, a professora da Unicruz Elizabeth Dorneles apresentou a íntegra da Carta de Intenções, documento tradicionalmente elaborado durante o Fórum de Sustentabilidade para compilar motivações, resultados e perspectivas articuladas ao longo do evento. “Os alunos, desde as primeiras edições [do Fórum], têm sido soberanos, para fazer constar na carta de compromissos as ideias que pretendem destacar sobre o tema da sustentabilidade regional. Nesta ocasião, com o propósito de articular um plano de ações para promover o tratamento adequado dos resíduos industriais”, diz um trecho lido pela docente, que também é secretária executiva do Corede Alto Jacuí.

O VII Fórum de Sustentabilidade do Corede Alto Jacuí foi realizado de 04 a 07 de junho, reunindo palestras, oficinas e apresentação de trabalhos.