SOLEDADE – Secretaria da Saúde confirma caso suspeito de dengue no Município

Resultado de exame laboratorial confirmará ou não o contágio pela doença

A Vigilância em Saúde está em investigação a respeito da suspeita de um caso de dengue em Soledade. Inicialmente o setor, trabalhava com mais dois casos suspeitos registrados no interior do município, porém houve o descarte destas duas possibilidades.

Ainda de acordo com a enfermeira coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Sonimari Auler há um terceiro caso sendo investigado, este portanto na cidade, entretanto aguarda-se o resultado de exame laboratorial, para a confirmação ou não da doença.

Sonimari alerta que referente a este caso registrado na cidade, a pessoa realizou a consulta médica e o setor de epidemiologia da Secretaria de Saúde, coletou amostra de sangue que foi encaminhada a Porto Alegre, o médico trata os sintomas e a Vigilância Ambiental já começa o trabalho de combate.

São coletadas larvas e em seguida direcionadas a Passo Fundo para análise e caso haja a confirmação do mosquito Aedes Aegipty, naquele local e nas proximidades, os agentes iniciam um trabalho eficaz a fim da eliminação do agente causador.

A dengue em Soledade
Conforme a Vigilância em Saúde de Soledade, desde o ano de 2014, o município é considerado infestado de dengue, isto significa que há a presença do mosquito em todos os bairros, inclusive no centro da cidade.

“Portanto, não é de hoje que Soledade deve estar em alerta para com o risco e mesmo com as ações necessárias de combate, a tendência com o passar do tempo é de que os casos venham a aumentar e esta não é uma realidade somente de Soledade, há epidemias registradas no Rio de Janeiro e São Paulo”, destaca a enfermeira.

A coordenadora alerta que a presença do mosquito e o contágio da doença está relacionada 80% com a limpeza dos pátios, incluindo os depósitos de água, já que a maioria dos casos são adquiridos na própria residência das pessoas.

A Dengue Clássica
É a forma mais leve da doença, sendo muitas vezes confundida com a gripe. Tem início súbito e os sintomas podem durar de cinco a sete dias, apresentando sinais como febre alta (39° a 40°C), dores de cabeça, cansaço, dor muscular e nas articulações, indisposição, enjôos, vômitos, entre outros.

A Dengue Hemorrágica
São os mesmos sintomas de dengue clássica. A diferença é que a febre diminui ou cessa após o terceiro ou quarto dia da doença e surgem hemorragias em função do sangramento de pequenos vasos na pele e nos órgãos internos, incluindo sangramento pelo nariz, boca e gengivas. Se não diagnosticada e tratada em tempo, esta classificação da doença pode levar a morte.

Rádio Cristal