NÃO-ME-TOQUE – Município oferece ajuda a morador de rua que segue recusando auxílio

Repercutiu a publicação realizada pelo Portal NMT sobre a triste situação em que vive um jovem morador de rua de Não-Me-Toque. Dependente químico, já internado para tratamentos por várias vezes, o homem segue vivendo com sem condições próprias de manter necessidades básicas como um teto e sua alimentação.

Em entrevista concedida nesta semana por secretários de três secretarias municipais, educação, assistência social e habitação, foi repassada a informação de que nos últimos anos o homem vem recebendo o amparo possível diante da sua resistência por ajuda.

O maior empecilho portanto para reverter a situação segue sendo a falta de colaboração do individuo, que se nega a seguir qualquer regra. Atualmente o rapaz recebe mensalmente um valor referente ao seu BPC.

Nas últimas semanas a Secretaria de Assistência Social encontrou um familiar disposto a auxiliar o jovem a ter uma melhor qualidade de vida oferecendo inclusive um quarto o qual foi renegado pelo homem, que insiste em seguir vivendo na rua, dormindo em calçadas no centro da cidade.

Diante da situação será novamente tentada pelas secretarias de educação, saúde e assistência social, uma internação para desintoxicação do homem e tentativa de tira-lo das ruas.

Portal NMT