Diálogo Espírita – A CARNE É FRACA

Quando alguém procura uma desculpa para justificar suas fraquezas, é comum ouvirmos a afirmativa de que a carne é fraca.

A culpa, portanto, é da carne, ou seja, do corpo físico. Será?

Hahnemann, criador da medicina homeopática, fez a seguinte afirmativa:

“O corpo não dá cólera àquele que não a tem, do mesmo modo que não dá os outros vícios. Todas as virtudes e todos os vícios são inerentes ao espírito. A não ser assim, onde estariam o mérito e a responsabilidade?”

O Espiritismo informa que somos Espíritos reencarnantes e nossa personalidade, também, como as virtudes e os vícios de cada um são o resultado das experiências adquiridas ou não aproveitadas nas diversas existências, cada um sendo o bom ou o ruim como resultado de seus próprios esforços.

Sociedade Espírita Raios de Luz de Tapera